Grupo Desobedeça acusa Prefeito de POA de preconceito

Grupo Desobedeça, de Porto Alegre, acusa prefeito de Porto Alegre de tentar boicotar manifestação popular e pretende levar o caso à Justiça. No dia 28 de junho a entidade fará manifestação política para marcar a data da Revolta de Stonewall e no domingo seguinte, dia 1º. de junho, fará uma Mini-Parada. Segue, abaixo, comunicado da entidade:

PREFEITO FOGAÇA DESCUMPRE A CONSTITUIÇÃO E DISCRIMINA COMUNIDADE GLBT
(Gays, Lésbicas, Bissexuais, Travestis, Transexuais e Transgêneros)

A Prefeitura de Porto Alegre quer impedir o Grupo Desobedeça GLBT, integrante do Fórum LGBT de Porto Alegre e parte da coordenação da Parada do Orgulho da capital, de realizar ato público na esquina democrática e a MINI PARADA DO DESOBEDEÇA.

No dia 28 de junho, DIA INTERNACIONAL DO ORGULHO GLBT, queremos durante 1h, realizar panfletiação com a presença de Drags e assim marcar nossa data no espaço público e democrático e a Prefeitura não quer liberar carro de som.

Dia 01 de julho, como já é tradicional há mais de 9 anos, realizaremos o evento, organizado pelo Grupo, concentrando com um caminhão de som de pequeno porte a partir das 15h no mesmo local que anualmente realizamos a Parada do Orgulho GLBT e após, seguiremos em caminhada até a frente do Centro Comercial Nova Olaria, onde a mais de 1 ano sofremos discriminação e lá entregaremos o prêmio “Personalidades Que Desobedecem” (Prêmio em DH).

A MINI Parada será realizada para marcar a passagem de nossa data (28 de junho), pois o Fórum LGBT estará realizando a Parada de Porto Alegre no dia 18 de novembro e o Desobedeça participa da coordenação deste evento também. Defendemos que siga na Redenção como sempre foi e não jogada para a orla do Guaíba como a Prefeitura IMPÕE!

Estamos entrando com medidas judiciais, pois ao mesmo tempo em que NÃO LIBERA O PARQUE PARA A REALIZAÇÃO DAS PARADAS, liberou durante este ano, manifestações públicas como o 1° de maio da CUT e atividades culturais como o baile da cidade, portanto, NÃO ACEITAMOS A DESCULPA da Secretaria do Meio Ambiente e do Prefeito Fogaça que desde o inicio do ano não liberam mais o Parque para manifestações públicas.

QUEREMOS DEBATE PÚBLICO E RESSALTAMOS INDIGNAÇÃO PERANTE O AUTORITARISMO DA PREFEITURA, QUE ATÉ MESMO DESRESPEITA A CONSTITUIÇÃO FEDERAL! (Nos colocamos a disposição de todos espaços de comunicação para o debate).




Comentários

É óbvio que é puro preconceito... ainda bem que não votei nele... Temos que nos unir e lutar contra esse prefeito duas caras, que na hora da corrida pela prefeitura andava de mãos dadas com homossexuais e agora nos proíbe de ocupar um espaço público que é tão nosso quanto de quaiquer outros cidadãos. Vamos nos unir pois somos milhares e não apenas alguns como ainda pensam as mentes tacanhas que são contra nós e nossa natureza.

Conteúdo relacionado