Colunista de jornal está sendo investigada por dizer que cantor Boyzone morreu por ser gay

A colunista do jornal “Daily Mail”, Jan Moir, está sendo investigada pela Scotland Yard, polícia britânica, por ter publicado em artigo que o cantor Stephen Gately, do grupo Boyzone, não teria morrido de causas naturais. “Saudável e apto, o homem de 33 anos, não bastar vestir o seu pijama e ir dormir no sofá, para nunca mais acordar de novo. Seja qual for a causa da morte, não é, por qualquer critério, uma catástrofe natural.”

Em seu enterro, que aconteceu no último sábado, dia 17, cerca de três mil fãs estiveram presentes. Os integrantes do grupo se despediram do colega com um tributo em uma igreja, em Dublin, Irlanda. Juntos, eles cantaram a música "In This Life", escrita por Ronan Keating.

Categoria: 




Comentar

Conteúdo relacionado