Secretário da Segurança Pública do PR recebe membros de associações LGBT

Para garantir a promoção da segurança à comunidade LGBT, membros de entidades sociais voltadas a defesa da comunidade gay se reuniram nesta terça-feira, 17 de agosto, com o secretário da Segurança Pública do Paraná, coronel Aramis Linhares Serpa. Os representantes das associações pediram ao secretário a execução das ações discutidas na 1.ª Conferência Estadual LGBT, como a capacitação e sensibilização dos operadores de segurança pública sobre orientações sexuais e identidade de gênero.

Aproveitando a ocasião, os representantes dos grupos LGBT pediram ao coronel a adoção da cartilha desenvolvida pela Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp) que explica como os agentes de segurança devem tratar as minorias, entre elas os homossexuais. Uma das orientações contidas no material da Senasp é o pedido para que travestis e trangeneros sejam tratados por seus nomes sociais.

Por sua vez, o secretário reforçou que todos os integrantes da segurança pública devem tratar a todos com o mesmo respeito e dignidade. Os membros LGBT reforçaram o apelo para que crimes contra homossexuais sejam acompanhados, uma vez que somente no ano passado 25 casos de homicídios foram registrados.

Os representantes das entidades se mostraram satisfeitos com a iniciativa de Serpa em recebê-los. “É um momento diferente na administração do Estado que temos de aproveitar”, disse Márcio Marins, diretor-presidente da entidade Dom da Terra. A diretora-presidente do Transgrupo Marcela Prado, Carla Amaral, a diretora-presidente do Grupo Dignidade, Rafaelly Wiest, o secretário-geral do Centro Paranaense de Cidadania, Alberto Schmitz II e o presidente da ABGLT - Associação Brasileira de Lésbicas, Gays e Trangêneros - também estiveram presentes no encontro.

Categoria: 




Comentar

Conteúdo relacionado