Otimismo no ar: 73% dos leitores esperam um 2011 melhor do que 2010

Virada de ano, hora de fazer avaliações e previsões. Neste clima de perspectiva futura, perguntamos aos nossos leitores o que eles esperam do próximo ano. Em 2011, 73% acreditam que o ano será melhor do que 2010. Já 20% estão mais céticos, e acreditam que tudo será parecido com este ano. Já 7% esperam o pior, e que 2011 será um ano que agradará menos do que 2010.

Se o otimismo marca a previsão dos nossos leitores, isso se traduz nas possibilidades reais de mudança. Com o novo governo da primeira presidente do Brasil, Dilma Rousseff, pode se esperar mais mulheres no poder, maior liberdade e comprometimento. Com pulso firme, a economia deve sofrer choques e é possível que mudanças, como a discussão da reforma da Previdência, necessárias ao crescimento do país, sejam encaradas pelo novo governo.

Será um ano de contenção de gastos públicos e de diminuição do crédito e aumento dos juros, já anunciados, que irão refletir no bolso dos consumidores. Será um ano pesado de investimentos em infraestrutura. E tudo sinaliza que será um ano de conquistas aos gays. Em dezembro, foram anunciadas a criação do Conselho Nacional GLBT, da inclusão de parceiros do mesmo sexo no Imposto de Renda e no INSS.

 

Categoria: 




Comentar

Conteúdo relacionado