Livro: 4D Autobiografia de um bissexual

Diego, Diogo, Danniel e Dionízio são parte da mesma pessoa, de Alvez Alves, um rapaz paranaense de origem humilde que se desdobra para sustentar com dignidade a sua família e conviver com seu desejo por outros homens. Cada nome diferente que dá aos seus amantes em banheirões e cinemões é uma faceta de sua maneira de lidar com o mundo, com seus segredos com os quais aprende a conviver. Em meio a amores e tragédias, o final feliz de alguém que lutou contra a marginalidade e a auto rejeição com todas as suas forças.

O livro “4D Autobiografia de um bissexual” é uma história real, que conta a saga de  um rapaz que sobrevive a traumas e preconceitos para encontrar o seu lugar ao sol. Um menino que tem a mãe como heroína, que luta contra as dificuldades e se mantém íntegro dentro de sua própria lógica. Os percalços de um homem casado que engana a mulher até o dia que encontra um verdadeiro amor. Juntos, um abre mão de um casamento de 10 anos e o outro de uma vida de 29 anos com sua esposa para viver ao lado de um ex garoto de programa.

A verdade de uma vida trágica, a beira da sanidade, da linha da pobreza, do desespero, que encontra um alívio nos braços de outro homem, onde a existência parece fazer sentido e todos os medos e aflições se vão. O livro exemplifica a bissexualidade e o submundo onde homens casados convivem com o desejo bissexual com encontros furtivos pela capital curitibana. O livro fala de amor, de auto aceitação, de preconceitos, mas, antes de tudo, fala de um ser humano que deseja honrar a sua existência, compartilhando com os demais o que viveu.

O livro foi produzido de forma independente por Alves que utilizou suas economias inteiras para publicar sua história. De fácil leitura e historia de vida surpreendente, o livro é ótimo para pessoas que reclamam de sua sorte ou para aquelas que não encontram um sentido em suas vidas, além, claro, daqueles que se identificam com a bissexualidade.

O livro pode ser comprado on-line, nas Livrarias Curitiba. Para saber mais, veja aqui.

Categoria: 

Tags: 




Comentar

Conteúdo relacionado