Vai casar sim

A polêmica continua em Curitiba. A bancada evangélica da cidade pediu neutralidade da Prefeitura e que evite o uso da palavra casamento para designar casais do mesmo sexo na cerimônia de casamento coletivo que acontecerá no dia 7 de Dezembro. A cerimônia que reúniu 1.5 mil no ano passado ganhou destaque este ano quando a prefeitura divulgou o evento, que é do estado, com bonequinhos do mesmo sexo, além de casal homo, em sua página no Facebook. 

Para a Gazeta do povo, a desembargadora Joeci Machado Camargo, do projeto Justiça no Bairro, que realizaráo evento, afirmou:  “Quem estiver apto e se inscrever vai casar, sim. O CNJ tem uma resolução determinando isso e eu, como integrante do Judiciário, vou cumprir. Não posso discriminar. Aliás, nem sei quem são as pessoas, se haverá ou não casais homoafetivos. Elas se inscrevem e apresentam a documentação no cartório. Eu celebro o casamento. Só isso”.  Com ou sem benção religiosa, como aconteceu nos outros anos, vai ter casamento sim.

Agora, depois desta confusão toda e não aparecer um casal gay vai ficar feio. Mas já confirmamos que tiveram casais gays que se inscreveram sim.

Então aí vai: O PRAZO TERMINA AMANHÃ, 25/10!  Para se inscrever, os casais precisam apresentar CPF, Certidão de Nascimento atualizada e a carteira de identidade. Além de comprovar renda de até dois salários mínimos por casal. Informações: (41) 3304-2266.



 

Tags: 




Comentar

Conteúdo relacionado