Pesquisa quer mapear e acompanhar estudantes brasileiros LGBT

A Pesquisa Nacional sobre o Ambiente Educacional no Brasil, 2015, voltada para estudantes lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais (LGBT) é uma iniciativa da Associação Brasileiras de Gays, Lésbicas e Transgêneros - ABGLT e o Grupo Dignidade e quer saber o tamanho da homofobia no ambiente escolar brasileiro e as boas iniciativas de combate ao preconceito. Com objetivo de mapear as experiências de estudantes LGBT nas instituições educacionais, principalmente no Ensino Fundamental e Médio, o estudo aborda questões como a ocorrência de comentários homo/lesbo/transfóbicos e sexistas; segurança, agressão e violência; políticas / disposições do regulamento escolar contra agressão e violência; sentimentos dos/das estudantes LGBT em relação à instituição educacional e em relação a si mesmos/as no ano letivo de 2015.
 
A Pequisa será feita 100% via internet e o sigilo e anonimato dos/das respondentes são garantidos. A pesquisa também está sendo realizada em outros oito países: Uruguai, Argentina, Chile, Peru, Colômbia, México, Estados Unidos e Israel e pretende reunir informações para fundamentar políticas públicas que possam transformar as instituições educacionais em lugares mais seguros e acolhedores para estudantes LGBT. A Pesquisa pretende ser bianual para acompanhar as mudanças deste período e monitorar as ocorrências nas escolas. 
 
 
 

Categoria: 

Tags: 




Comentar

Conteúdo relacionado