Desaquenda: Carmem Von Blue desenha e costura as suas próprias roupas

No comecinho de Maio tive o prazer de entrevistar Carmem: misteriosa, elegante e com uma criatividade sem pararelos. Com dons que incluem sua facilidade para desenhar e criar roupas elaboradas foram o que me levaram a entrevistá-la porque, bem, a gente tem que reconhecer e aprender com quem impressiona a gente né, queridxs? E ela certamente faz esse trabalho muito bem. Senhora, senhores e senhorxs, com vocês, a DQueen Carmem Von Blue.



 
Você mudou-se recentemente para Ourinhos. Por que Ourinhos? E como isso tem sido para o projeto D*Queens Atelier ( www.dqueens-atelier.tk ) e seu relacionamento pessoal com Natalie Heart (confira entrevista passada)?

Sim, eu mudei para o interior de São Paulo, eu digo Ourinhos mas é uma cidade menor ainda ( hahaha) chamada Ribeirão do Sul e cá estou eu para dar uma mão para a minha mãe que que mora aqui e que cuida de minha tia e avô e uma irmã sozinha.
 
Bom, para o projeto DQueens, eu acredito que seja uma ótima oportunidade de expandir a nossa marca e atender não só o Sul do país mas também o interior de São Paulo

 
Como é morar numa cidade menor do que Curitiba, onde você morava? Existem casas onde se pode fazer show? Espaço na mídia? Onde e como uma Drag Queen se expressa em Ourinhos?
 
Olha, antes de vir eu achei que seria muito difícil! Mas quando cheguei fui bem aceita pela comunidade LGBT, conheci até algumas drags e pessoas que sentem vontade de começar nessa arte e Militantes que fazem o Beijaço Gay em Ourinhos e seria como uma marcha que existe ai em Curitiba.

Em Ourinhos em sí não tem lugares para trabalho mas fiquei sabendo de uma festa inpirado na Mama Ru onde a melhor montaria ganharia um ano de festa frella. Eu adorei! Lógico, todo incentivo conta! Existem outras cidades "perto" daqui como Assis, Marília e Baurú, onde há casas que fazem shows. Pretendo dar um pulo por lá e conhecer os locais e conversar com os promoters e donos para tentar algum trabalho no fim de semana.

 
Quais são os dons que você levou para Ribeirão do Sul?
 
Bom, eu vim para cá com toda a bagagem que adquiri em Curitiba e pretendo usar essas minhas influências para trabalhar como maquiador, como figurinista para looks de shows (já que aqui as bee estão começando a se interessar!) e também produzindo roupas em geral e, claro, vender meu corpinho na noite fazendo performances nas casas noturnas que vou conhecer daqui pra frente e fazendo hostess também, no site ( www.dqueens-atelier.tk) estarei colocando meu número, meu Facebook e Instagram para facilitar o contato comigo.
 

Em que outros projetos você está trabalhando no momento? E para o futuro, quais são as previsões? Pretende voltar a Curitiba ou ir a outros lugares?
 
Bom, a partir de agora estou meio que a Deus dará, mas pretendo me incluir na área e ser militante por aqui, já estou bolando alguns projetos e busco parcerias para que juntos possamos arrazar! Curitiba sempre foi minha casa, lógico que pretendo voltar mas antes quero fazer acontecer por aqui.
 

Para seus fãs, defina:
Deus – Babe da vida
Familia – Amor
Sucesso – Carmem von Blue meu bem Emoticon slightsmile hihihi
Prazer – Em fazer e viver essa arte
Dor - o preconceito

 

Tags: 




Comentar

Conteúdo relacionado