Homofobia no BBB17: Gêmeo Manoel destila homofobia novamente

Manoel, irmão gêmeo do já eliminado Antônio, está gerando bastante discussão na cada do Big Brother Brasil 2017. Ele já havia feito comentários homofóbicos na festa de abertura do programa, realizada para as duas duplas de gêmeos. Na ocasião, havia se recusado a dançar por dizer que as músicas eram de gays. Agora, em uma briga com o brother Marcos, Manoel disse que o “moeria de porrada” se fosse fora da casa e o chamou de “viado enrustido”.
 
Na manhã de sábado, 04, os “monstros” Marcos e Ilmar precisavam fazer brincadeirinhas com os participantes da casa como penalidade do monstro. Então, os dois decidiram jogar creme de barbear em Manoel, Mayara e Luiz Felipe. O que se transformou em uma grande briga entre Marcos e Manoel, com direito a denúncia de violência física realizada por Manoel pois, segundo ele, quando foi revidar a brincadeira, Marcos o teria agredido fisicamente. O que foi negado pelo apresentador Tiago Leifert.
 
Ainda durante o bate-boca, Manoel disse: "Eu vou te processar, seu otário, seu playboy. Vai tomar no **. Eu vou te quebrar na porrada, seu comédia. Eu vou te processar. Se fosse lá fora te quebrava, te deixava moído no chão. Seu viado! Seu viado enrustido!".
 
A hastag #ForaManoel ficou entre os assuntos mais comentados do Twitter no Brasil no dia da briga. Esse é só mais um caso de homofobia no BBB. Em 2010, as declarações homofóbicas do participante Dourado resultaram em um inquérito por parte do procurador dos Direitos do Cidadão de São Paulo, Jefferson Dias, responsabilizando a emissora pela transmissão de comentários preconceituosos, como “homem hétero não pega aids”.
 

Categoria: 

Tags: 




Comentar

Conteúdo relacionado