Casal de ativistas gays de Curitiba batiza os três filhos na Igreja Católica

Toni Reis e David Harrad não cansam de quebrar paradigmas dentro da comunidade LGBT brasileira. Primeiro, enfrentaram longos processos para terem o direito de ficar juntos, depois se casar, e ainda para a adoção dos três filhos: Jéssica, 14, Filipe, 12, e Alyson, 16. Agora, a famílial recebeu a benção da Igreja Católica ao batizar os três em uma cerimônia oficial na Catedral Basílica de Nossa Senhora da Luz dos Pinhais, no último domingo, 23 de abril.
 
A Igreja Católica já deu declarações, através da figura do Papa Francisco, que seus templos devem estar abertos para receber e cuidar da comunidade LGBT. Sem muitos precedentes ainda, a família Harrad Reis fez história em Curitiba. O Arcebispo Metropolitano de Curitiba, Dom José Antônio Peruzzo; o Pároco Cônego Élio José Dall’Agnol e o Diácono Miguel Fernando Rigoni foram os nomes que tornaram o batizado possível.
 
“Tive dificuldades com algumas assessorias de padres nas paróquias. Então, para não falar que foi preconceito, fui até o arcebispo de Curitiba, que foi gentilíssimo. Eu vou batizar as crianças, não vocês, ele me disse”, relatou Reis.
 
Para realizar o batizado, os três adolescentes precisaram passar por um curso de batismo com o professor Sérgio, enquanto os pais, padrinhos e madrinhas do batizado também foram preparados para o momento. A cerimônia aconteceu por volta das 11 horas, depois da missa matinal das 10h. 
 
Em comemoração, a família se dirigiu à Casa Hoffmann, onde foi realizado o lançamento do livro “Kayke, o menino transformado”, escrito por Alyson, de 16 anos. 

 

Categoria: 

Tags: 




Comentar

Conteúdo relacionado