II Marcha pela Diversidade agita Centro de Curitiba

No último domingo, dia 25 de junho, a Marcha pela Diversidade, organizada pelas ONGs Grupo Dignidade , Transgrupo Marcela Prado e UNA LGBT, coloriu Curitiba com as cores do arco-íris. O evento reuniu centenas de pessoas para protestar contra a lesbotranshomofobia. A marcha partiu da Praça Santos Andrade, em frente ao prédio histórico e partiu pela rua João Negrão e Avenida Marechal Floriano, rumo à Boca Maldita, e foi puxada por um grande trio elétrico onde DJs e artistas da noite se revezavam.
 
O mesmo espírito de reivindicação e cooperação se deu no pequeno palco montado próximo à Praça Osório, na Rua XV de novembro, local tradicional de protestos da capital paranaense conhecido como Boca Maldita. O próprio gerador de luz utilizado no evento foi fruto de uma vaquinha organizada dias antes do evento.
 
Uma multidão assistiu a programação cultural do evento com a apresentação de drag queens locais e do cantor local Leo Fressato que cantou entre outras, a sua música de maior sucesso, “Última Oração”. Os apresentadores da marcha, a transdrag Brenda Montilla e DJ Luccas Serafim, além de organizadores e convidados, a toda hora lembravam a violência sofrida pela comunidade LGBT.
 
Entre o público, muitos curiosos, casais de namorados héteros e famílias inteiras assistiram a parte final o evento que teve muito funk, montadas e muitos jovens gays vivenciando um dia de sol e conscientização.

No dia 05 de novembro, Curitiba tem a sua Parada Pela Diversidade, desta vez com concentração na Praça do Homem Nu e trajeto até a Praça Nossa Senhora de Salete.

 

Categoria: 

Tags: 




Comentar

Conteúdo relacionado