Humor: Cuidado com a ditadura gay que está tomando conta do Brasil

Quem já não escutou certos políticos falando que estamos vivendo uma ditadura "gayzista"? Mas como seria se realmente existisse uma ditadura gay? Mas assim, de verdade? Com direito a heterofobia, repressão policial viada e imposição de purpurina.  Então vamos jogar um pouco de cor nesse mundo, ou nessa página, para mostrar que se colocar no lugar do outro, talvez seja uma boa maneira de quebrar preconceitos que existem hoje. Para aqueles com dificuldade de leitura, é uma sátira, e o texto abaixo é de humor e não tem compromisso com a verdade.
 
Beijo heterossexual
Está proibida a demonstração de carinho entre heterossexuais. E pior ainda, imagine héteros se beijando pelas ruas ou andando de mãos dadas. Que horror seria! Isso poderá influenciar nossos filhos, bagunçar suas mentes e ainda fazer eles tenderem a seguir esta linha.  Na tevê então... apenas beijos leves após o horário nobre e sem cenas de sexo hétero.
 
Comerciais
Teremos alguns casais héteros em comerciais em dias especiais como dia dos namorados, pais ou mães - ou na semana do orgulho heterossexual. 
 
Sistema Educacional
Nossos filhos não optariam em ser heterossexual pois teriam uma boa educação. Para isso, teríamos um projeto para banir conteúdo heterossexual das escolas. As crianças não poderão ter contato com esse tema. Os livros de biologia serão refeitos nos tópicos de gênero e reprodução; A língua portuguesa será readaptada para lacrar o ensino! 
 
Ideologia hétero
Teremos bancadas gays para barrar qualquer lei ou direito aos heterossexuais pois a Constituição já diz que todos são iguais perante a lei e não podemos permitir que tenham privilégios ou mesmo que se incentive esse tipo de comportamento que escolheram. Combateremos os militantes hétero jogando uns contra os outros, dizendo que eles querem aparecer em cima da causa hétero e são radicais.

Cultura
Só será permitido escutar música das divas que representarem a ditadura gay. Apresentadores heterossexuais devem abster de comentar suas vidas pessoais. Os heterossexuais serão associados a pervertidos sexuais, pedófilos, drogados, entre outros, a fim de que a libertinagem que desejam não encontre perpetuação na sociedade gayzista.
 
Família 
Mesmo desconfiando que o filho ou sobrinho é heterossexual vamos perguntar como vão os parceiros gays ou ainda obrigá-los a gostar de Pop, vôlei e outros assuntos de interesse dos gays. E se ele quiser ir contra a família, os adolescentes serão expulsos de casa e terão que viver sua heterossexualidade longe da família. Os filhos ouvirão frases como “prefiro um filho ladrão a um filho hétero” desde pequenos, bem como piadas e casos de heterossexuais mortos, a fim de desencorajá-los.
 
Religião
Será regrada uma religião que vai ensinar que Deus criou o homem e a mulher separadamente e que o relacionamento com as pessoas do sexo oposto é pecado, pois vai contra o plano original do Criador. Ainda, serão citados trechos do livro sagrado gay para justificar todo e qualquer preconceito contra os heterossexuais.
 
Cura Hétero
Teremos ainda profissionais para exercer a cura hétero. Diremos a eles que amamos o pecador mas não amamos o pecado.
 
Balada hétero
Está proibido dentro das baladas gay, demonstração de carinho e afeto heterossexual, isto será considerado como ato atentatório e os que tentarem serão expulsos da balada. Héteros poderão ter seus guetos, as baladas hétero, e nelas fazerem o que quiserem. Mas os gays que forem lá para discriminar ou assediar eles não sofrerão retaliação. 
 
Doação de Sangue 
Está proibida a doação de sangue de pessoas heterossexuais. Caso seja necessário para algum familiar, apenas poderá ser feito após todos os testes necessários para verificação do sangue. Mas não será discriminação, pois diremos que não proibimos os héteros, apenas aqueles que fizeram sexo heterossexuais nos últimos 12 meses. 
 
Casamento Hétero
Está barrado o casamento heterossexual na Igreja. Apenas está autorizado sua celebração no cartório, para fins legais de pensão e separação, para não virem a ficar desamparados. 
 
Adoção 
A preferência de adoção será dos casais gays, visto que se trata da normalidade. Casais heterossexuais apenas após analise com psicóloga e acompanhamento para evitar que venha a influenciar as crianças ou colocá-las em risco. Os heterossexuais deverão esperar a criança ter idade suficiente para escolher se querem mesmo viver com um casal heterossexual.
 
Parada Heterossexual
Será liberado, anualmente, que a comunidade heterossexual realize uma parada do orgulho hétero, sendo disponibilizado, escolta policial e um pequeno para realização do evento, com hora de início e termino. Ainda, a mídia dará destaque para os pontos negativos da manifestação, a fim de mostrar a escória que desfila pedindo direitos.

Dia a dia
Diremos aos héteros que eles são um "despedício", ou ainda que temos algum conhecido "assim". E lembraremos a eles que não se deve levantar bandeiras e nem precisam ser tão héteros em seu jeito de ser, que eles podem e devem ser discretos.

 
Vamos aproveitar aqui e abrir para você deixar suas ideias aqui para a Ditadura Gayzista nos comentários e vermos as melhores ideias e levar ao nosso Senado Gay para aprovação de novas normas...  

 

Categoria: 

Tags: 




Comentar

Conteúdo relacionado