Alerta: Autoridades francesas afirmam que evitaram ataque a bar gay em Paris

Durante uma conferência na Assembleia Nacional Francesa, o Ministro do Interior Gerard Collomb revelou que as autoridades francesas impediram um ataque terrorista em uma bar gay em Paris na noite de 22 de agosto. Segundo Collomb, “um plano de ação violento” estava pretendendo atacar “bares noturnos de Paris e em particular bares gays”. Nenhum detalhe maior foi dado, mas o ministro disse que “a ameaça continua alta”.

Desde janeiro, contando com mais esse recente atentado frustrado, foram 12 ataques terroristas evitados pelo governo francês. A França passa por um período delicado, com 14 atentados realizados e mais de 200 mortos desde 2015. Em um dos ataques, os alvos foram bares noturnos, resultando em pelo menos 120 vítimas fatais. 
 
Ainda, em relação ao atentado ter como objetivo as casas noturnas gays, todos lembram do ataque ocorrido nos Estados Unidos em 2016 na boate gay Pulse. O ato ficou conhecido como o pior ataque a tiros da história dos Estados Unidos, com 50 mortes e 53 feridos.
 
Para o ministro francês, o propósito do grupo terrorista do Estado Islâmico ao atingir os bares gays foi de “dividir a comunidade nacional e criar confronto entre os franceses”. Ele declarou que essa é uma armadilha na qual a França não deve cair.

Deixem as bee dançar Beyoncé em paz, por favor!
 

Categoria: 

Tags: 




Comentar

Conteúdo relacionado