Queer Art

A Bienal de Curitiba 2017 foi alvo de crítica na Câmara dos Vereadores da cidade, por conta da exposição "A Colagem Expandida – CCC na Bienal de Curitiba" que traz algumas obras com nus masculinos e é bem provocativa. Mas as obras são apenas duas ou três e tem tamanho reduzido, em uma delas o nu tem 2x2cm. Mesmo com a classificação indicativa na porta teve vereador tentando ganhar palco com a arte alheia. Não colou. Ele pegou as microimagens e ampliou, dando maior impacto ao real, virando o feitiço contra o feiticeiro. A exposição do Clube de Colagem de Curitiba está em cartaz no Muma, Museu Municipal de Arte de Curitiba, no espaço Portão Cultural, até fevereiro de 2018 e vale uma conferida.

Confira a polêmica: 





 

Tags: 




Comentar

Conteúdo relacionado