BC

DJ é vítima de garrafada em Balneário Camboriú por homofobia

O DJ Rafael Weingartner, 32, de Floripa, estava na praia em Balneário Camboriú por volta das 23h desta quarta-feira quando começou a levantar seu companheiro, também chamado Rafael, pelas pernas, em uma brincadeira. Eles, que ainda não estão namorando oficialmente, estavam na faixa de areia em frente à Praça Central quando, de repente, notou que sua perna estava inchada e quente. “Acho que esses maloqueiros jogaram uma garrafa na gente”, disse o jovem que mora em Balneário. 



Jovem gay é agredido com pedradas em Balneário Camboriú

Por volta das 4h da manhã desta quarta-feira, dia 13/01, o padeiro Paulo Sauter, 22 anos, foi a um posto de gasolina no bairro Nova Esperança, Balneário Camboriú, e ia para casa com cervejas na mão quando um outro jovem se aproximou e perguntou se ele poderia dar um cigarro. Os dois foram andando na mesma direção, sem se comunicar, até que Paulo disse tchau ao outro jovem, pois havia chegado na rua de sua casa.
 
Neste momento eles cruzaram com um outro jovem, que lançou uma pedra na nuca de Paulo, que caiu ao chão.



Mesmo com falta de apoio, Balneário Camboriú realiza sua 2ª Semana da Diversidade

Fez falta e muito o apoio tão prometido à comunidade gay de Balneário Camboriú por parte dos órgãos governamentais. As promessas foram feitas durante a conferência LGBT da Região em 2012 mas não foram cumpridas mais uma vez. Mesmo assim, na última quarta-feira, a Câmara de Vereadores da cidade recebeu a organização do evento e destacou o tema. Na quinta-feira, um evento solene abriu assim a 2ª Semana da Diversidade de Balneário Camboriú em um hotel onde foi realizada ainda uma mesa redonda com debates de temas importantes para a comunidade LGBT.