curitiba

Campeã do Carnaval de Curitiba, Mocidade Azul teve musa trans na avenida

No domingo de Carnaval, dia 10 de fevereiro, mais de 30 mil pessoas acompanharam o desfile da Mocidade Azul na rua Marechal Deodoro, em Curitiba. A escola de samba trouxe para a avenida um tema polêmico, “Quem canta seus males espanta. Onde está o dinheiro? Quem foi o gato que comeu?”, para criticar a crise econômica e os diversos casos de corrupção que assolam o país. 
 
A Mocidade Azul elegeu para o desfile a Musa Trans do Carnaval de 2018. O primeiro lugar foi ocupado por Dionne Freitas, em segundo lugar, Renata Borges e em terceiro lugar, Rafaelly Santos Berbecky.



OAB promove mesa de debate em comemoração ao Dia da Visibilidade Trans em Curitiba

Em comemoração ao Dia da Visibilidade Trans que acontece no dia 29 de janeiro, a OAB Paraná fará um evento com diversos profissionais do direito para debater políticas públicas encabeçadas pela Corte IDH no Brasil e na América. Essas instituições são formadas por juizes de vários países, incluindo o Brasil, para fomentar ideias de inclusão e assegurar os direitos humanos. O debate também irá considerar a opinião e ideias da sociedade para garantir os direitos das pessoas transgênero durante 2018. 




Blocos de Carnaval LGBT agitam as ruas de Curitiba

Em meio a tanta LGBTfobia durante o ano, Curitiba recebe blocos que representam a comunidade LGBT durante o seu famoso pré-Carnaval. As músicas e fantasias são compostas e produzidas por todos que quiserem participar. Conversamos com o bloco “Fogosa” e a bloca, sim, no feminino, “Saí do Armário e Me Dei Bem”. 
 
O Bloco Fogosa é comandado pelo artista Siamese e aborda não somente questões de gênero e sexualidade como também versa sobre o racismo estrutural.



Áudio homofóbico de WhatsApp é enviado por engano de advogado para seu cliente gay

“É uma bichinha enrustida”, foi como um advogado se referiu ao seu cliente através de um áudio enviado pelo WhatsApp. O professor Anderson Ribeiro, de 32 anos, de Curitiba, ingressou com uma causa trabalhista em um escritório de advocacia e seu caso foi passado para outro advogado, que enviou um áudio ofensivo por engano, mas que acabou se tornando um grande tormento na vida do professor. 



Solar do Barão tem duas exposições LGBT que você não pode perder

A obra LGBTFOBIA/CALENDÁRIO está exposta no Solar do Barão até fevereiro de 2018. A mostra de autoria de Eduardo Barbosa é uma coleção de isogravuras, técnicas que usam uma superfície como molde de um desenho a ser impresso no papel ou outro material. O trabalho aborda os casos de LGBTfobia que causaram mortes violentas no Brasil. Em cada imagem, que ocupam duas paredes inteiras, há o nome e a legenda de como a pessoa foi assassinada.




Peça BR Trans chega à Caixa Cultural de Curitiba em fevereiro

Entre os dias 02 a 04 de fereveiro de 2018 a Caixa Cultural de Curitiba recebe o espetáculo BR Trans. A peça é uma importante montagem dirigida por Jezebel de Carli, professora e diretora do Rio Grande do Sul e fruto de uma longa pesquisa de quatro anos realizada com transgêneros de Porto Alegre pelo ator Silvero Pereira. A montagem já foi assistida por mais de 40 mil pessoas, e apresentou-se fora do Brasil em países como Alemanha e Estados Unidos. 



Conheça LUV, o jovem cantor curitibano que vai conquistar espaço no cenário musical e espalhar muito amor

Com letras cheias de poesia e personalidade, o curitibano LUV é um artista verdadeiramente apaixonado por sua música e nós também. O artista Diego Basilio, de 22 anos, começou sua carreira artística cantando na igreja, onde descobriu sua vocação para a arte. “Parece clichê mas é isso mesmo”, brincou o cantor referindo-se aos inúmeros artistas que começam sua carreira na igreja.



Festival do Teatro Lala Schneider tem peça sobre sexualidade “Quando os Meninos Amam”

A peça “Quando os Meninos Amam”, de autoria e direção de Anderson Ribas, conta a história de um menino e sua família que se aventuram em terras desconhecidas em busca de fortuna. A trama se passa em 1980, no interior do Brasil e acompanha o crescimento e as transformações desse garoto que se torna um adolescente com suas dúvidas e descobertas. A sexualidade do jovem que começa a se aflorar alimenta ainda mais suas confusões internas trazendo questionamentos sobre sexo, justiça e fantasias, quando diversos atores interpretam o mesmo personagem de múltiplas facetas. 



1º de Dezembro é o Dia Internacional de Luta contra a Aids

O Dia Mundial de Luta contra a Aids foi definido como 1º de dezembro pela Organziação Mundial da Saúde (OMS) em 1989, como uma data para conscientização em todo o mundo sobre os crescentes casos de AIDS. Estima-se que 827 mil pessoas vivem com HIV/AIDS só no Brasil, segundo estatísticas do Ministério da Saúde do Governo Federal. Em média no mundo são ao todo 36,7 milhões de pessoas infectadas, entre adultos e crianças. 




DJs curitibanos lançam clipe do hit “Ken Dolls” e agitam a internet

Os DJs curitibanos Felipe Accioly e Cahe Nardy lançaram recentemente o clipe da música “Ken Dolls”. A canção já havia ganhado a internet em outubro, alcançando a marca de mais de sete mil visualizações em pouco mais de um mês. No dia 26 de novembro finalmente saiu o clipe da música, que contou com a participação de diversos modelos e artistas locais numa produção impecável.



Transgrupo Marcela Prado promove evento de encerramento do Projeto Expressão Trans

No dia 24 de novembro a UFPR recebe o evento de encerramento do Projeto Expressão Trans, junto com o lançamento de um livro institucional do projeto do Transgrupo Marcela Prado. A cerimônia tem início às 9 horas da manhã e término às 17 horas. O público alvo do evento é a comunidade acadêmica, população trans e profissionais cujas áreas são voltadas ao interesse transgênero.




Casal gay adota menina transgênero e seus dois irmãos em Curitiba

O casal Gustavo Uchoa Cavalcanti e Cleber Reikdal, casados desde 2007, deram entrada no processo de adoção em Curitiba no ano de 2013, mas o procedimento foi retomado três anos depois, quando o casal estava melhor preparado para receber não uma, mas três crianças. De posse da legitimidade do Cadastro Nacional de Adoção (CNA), eles foram convidados para conhecer aqueles que seriam seus três filhos e que mudariam suas vidas. 
 
Durante 30 dias o casal esperou para conhecer João, que hoje é Maria Joaquina, Thalia e Carlos Eduardo.



Coletivo Cássia promove eventos em Curitiba para mulheres lésbicas, bissexuais e transexuais

No dia 13 de novembro, o evento “Ideias e Ideais de Mulheres Transformadoras LBT (Lésbicas, bissexuais e transexuais)”, organizado pelo Coletivo Cássia, reuniu mulheres curitibanas para debater sobre empreendedorismo e empoderamento feminino. O encontro garantiu a participação de grandes profissionais como a coordenadora do Procon do Paraná, Cláudia Silvano; e o grupo musical Mulamba. 




Páginas