internet

Contas do Estado Islâmico nas redes sociais são tomadas por imagens gays

Mais de 250 perfis no Facebook e Twitter do Estados Islâmico foram alterados pelo hacker WachulaGhost, como se auto titula. Os perfis agora contam com imagens da bandeira arco-íris do Orgulho Gay e links para sites pornográficos. As alterações são uma retaliação pelo ataque à Balada Pulse, em Orlando, onde um terrorista ligado ao EI matou 49 pessoas e deixou 53 feridos. 
 
O hacker deu uma entrevista ao portal da CNN, onde revelou que recebe imagens fortes com ameaças de morte todos os dias, endereçadas pelo E.I.



Mais 5 curtas e webséries gays nacionais que você encontra no YouTube

Uma das maravilhas da internet é a possibilidade de consumir produtos culturais específicos sem sair de casa. Com o boicote dos cinemas e locadoras a filmes e séries LGBTs em cidades conservadoras, seria impossível assistir esses títulos sem a ajuda do YouTube. Desde histórias com roteiros para consumo fácil, como do garoto que se apaixona pelo melhor amigo com o qual fazia brincadeirinhas, até discussões sobre heteronormatividade e homofobia.
 
A Lado A separou uma lista com alguns curtas e web séries pra você assistir no feriado prolongado que está vindo.



Ensaio de casal gay gaúcho captura o amor onde muitos duvidam existir

O Dia dos Namorados está chegando e tá todo mundo aproveitando pra demonstrar o amor que sente pela namorada ou namorado. A fotógrafa Cris Santoro, de Porto Alegre, Rio Grande do Sul, fez um ensaio fotográfico retratando momentos íntimos de casais, mostrando o amor de forma simples e quase que tangível. O último ensaio de “Entre” traz um casal homoafetivo.
 
Daniel e Icaro demonstram o amor entre dois homens de forma real e emocionante. É impossível que alguém que veja os cliques possa usar o discurso de que dois homens não podem sentir amor um pelo outro.



Pegadinha de versão de Rei Leão gay de 1° de abril ainda assusta desavisados

O portal de notícias LGBT PinkNews lançou uma pegadinha de 1º de Abril que pegou os desavisados de jeito. Em uma notícia falsa, o site afirmou que a nova versão da Diney de “O Rei Leão” traria o personagem Simba como um leão homossexual. A notícia causou diversos risos entre os que sabiam da verdade e muita indignação dos homofóbicos de plantão, que ocuparam o Twitter com protestos.
 
Ortiz postou: “É melhor que o Simba não seja gay no novo filme, porque ele não era gay antes. Nada contra os gays, mas isso é desnecessário”.



Homem é vítima de roubo por cara do aplicativo que ameaça até seu cachorro

Mais um caso de polícia envolvendo homens desconhecidos em aplicativos de encontros gays. Desta vez, aconteceu em Boynton Beach, Flórida. No último final de semana, um homem, que preferiu não se identificar, marcou de encontrar por meio de um aplicativo de encontros Vadol Marquise Reed, de 22 anos, na sua casa. Dois homens encapuzados o abordaram, roubaram seus bens e ainda roubaram a casa e o cachorro da vítima.
 
Tudo aconteceu muito rápido. Ele estava chegando a casa de Reed quando dois caras com o rosto coberto saltaram e o abordaram.



Em protesto contra homofobia, homens holandeses andam de mãos dadas

Um movimento para inspirar pessoas do mundo todo. Após a agressão de um casal gay por seis homens em Arnhem, na Holanda, durante o fim de semana, diversos homens importantes e anônimos do país saíram de mãos dadas pelas ruas e em eventos públicos para transmitir uma mensagem contra a intolerância. Além de parlamentares, a ação chegou a membros da ONU em Nova Iorque.
 
Tudo começou com parlamentares holandeses começando a semana de mãos dadas, entre eles o do partido D66, Alexandre Pechtold e seu companheiro de trabalho Wouter Koolmees.



Game do momento traz várias cenas de sexo gay entre seus personagens

O jogo Mass Effect: Andromeda trouxe novas experiências para os gamers. A nova versão do jogo acabou de ser lançada e já conta com diversos pontos positivos, além dos gráficos, o jogo investiu em histórias e romances mais naturais e realistas entre os personagens, incluindo opções de relacionamento gay, hetero e até entre homem e alienígena. O jogo conta com diversas cenas de sexo também, inclusive gay.
 
O jogo, que já contava com três edições ao longo dos últimos dez anos é desenvolvido pela BioWare e já vendeu mais de 13 milhões de cópias.



Artistas LGBTs são censurados pelo Modo Restrito do YouTube

A plataforma de compartilhamento de vídeos YouTube está causando polêmica entre artistas, youtubers e usuários gays, lésbicas, travestis, transexuais, bissexuais e simpatizantes. O motivo é o recém criado “Modo Restrito” para uso de crianças, que bloqueia conteúdos considerados ofensivos e pesados, ou seja, que teriam classificação para maiores de 16 anos. Este modo bloqueia vídeos de artistas como Lady Gaga, Pabllo Vittar e Lia Clark.
 
A repercussão foi negativa entre os usuários, de maioria jovem.



Após matéria, casal gay que ficou desempregado é vítima de comentários homofóbicos em portal

Geferson Ribeiro de Souza, de 21 anos, e Daniemerson Brito da Silva, de 27, trabalhavam como auxiliares de estoque na empresa WB Componentes até serem demitidos em novembro do ano passado, exatamente duas semanas depois de se casarem. Os jovens denunciaram o preconceito que sofriam dentro da empresa e, agora, por terem ganhado visibilidade, não conseguem encontrar um novo emprego. O casal também é alvo de homofobia em comentários dos sites de notícias, como G1.com. Comentários homofóbicos em matérias que envolvem homossexuais não é raro.



Transexual de São José dos Pinhais faz canal no YouTube para falar da sua transição

A atriz transexual Laysa Machado, que vive em São José dos Pinhais, criou um canal no YouTube para falar sobre a sua transição e suas experiências como uma mulher transexual. “Coisa da Laysa”, como é chamado, já está no ar desde agosto de 2016 e foi selecionado para o Prêmio Educando para o Respeito à Diversidade Sexual, do Instituto Brasileiro de Diversidade Sexual.
 
No primeiro vídeo do canal, Laysa fala sobre a sua transição, como foi o processo de identificação, descoberta e as mudanças de parâmetros ao se assumir trans.



Irmão gato de Luciano Huck sai do armário e lança canal falando de sexualidade

Diretor de documentários como “Coração vagabundo” e “Quebrando o Tabu”, Fernando Andrade, de 36 anos, é meio irmão do apresentador Luciano Hulk e se assumiu gay recentemente. Jornais do Brasil todo trataram sobre a sexualidade de Fernando, depois de ter dado uma entrevista à Folha de S. Paulo falando sobre como se sentiu ao se descobrir gay. “Criminoso” e “doente” foram as palavras que usou ao lembrar seus primeiros sentimentos de auto rejeição, algo muito comum entre jovens gays, bombardeados por preconceito de que ser homossexual é algo errado .



Atriz Global responde pastor homofóbico e diz que vergonha é lavar dinheiro com igreja

O Pastor Silas Malafaia estava fazendo suas postagens homofóbicas habituais quando se deparou com uma pedra de peso no seu caminho. Era a atriz global Vera Holtz, que se posicionou contra a lavagem de dinheiro que algumas igrejas evangélicas fazem. A resposta foi feita no último dia 02 de março e já foi compartilhada mais de 15 mil vezes só no Twitter. Veja o que aconteceu:
 
Silas Malafaia comentou de forma preconceituosa sobre a exibição de um beijo gay num desenho da Disney, que foi noticiado pela Lado A e você pode conferir clicando aqui. “AMANHÃ!



Jovens LGBTs expulsos de casa pelos pais contam com anjos para abrigá-los

Matheus - nome fictício - tinha 17 anos quando seu pai descobriu que ele era gay. O seu maior medo se tornou verdade. Motivado pelo machismo e homofobia, o pai de Matheus o espancou e expulsou de casa. Apesar da denúncia na delegacia, nada foi feito e Matheus precisou encontrar um abrigo que o acolhesse até arranjar um emprego e poder alugar um espaço para viver sozinho.
 
A história de Matheus aconteceu em Curitiba, em 2013. São linhas que se repetem todos os anos, com outros jovens em diversas cidades do país.



Depois de perseguido por causa de perfil fake, homem está processando Grindr

O que você costuma fazer quando se depara com um perfil fake em sites e aplicativos de relacionamento? Matthew Herrick, 32, de Nova Iorque, está vivendo um pesadelo com os perfis fakes do app e, por isso, passou a denunciar para o aplicativo Grindr. Mas, cansado de não obter respostas e soluções, Herrick entrou com um processo contra a marca, acusando-a de negligência, estresse emocional causado intencionalmente e propaganda enganosa. 
 
A história parece sair de um livro.



Páginas