trans

Cursinho Tô Passada de Curitiba comemora aprovações e abre inscrições para este ano

O “Tô Passada” é um cursinho preparatório destinados a pessoas trans, gays, lésbicas, bissexuais e travestis. O objetivo é ajudar a encaminhar alunos para serem aprovados no Exame Nacional do Ensino Médio, o ENEM, e conquistar aprovações em universidades do país. Outra vertente do projeto é dar suporte para o crescimento profissional do grupo, com oficinas sobre construção de curriculum, desenvolvimento pessoal e profissionalismo.



Companheira trans de detento consegue direito na Justiça para visita íntima

A transexual Gisele Alves de Oliveira, de São Luís do Montes Belos, em Goiás, solicitou o direito de visitar seu namorado na Unidade Prisional de São Luís de Montes Belos, que acabou negado pela diretoria do local, com o argumento de falta de segurança. Além da confusão de orientação sexual com identidade de gênero, a direção proibiu o detento de receber visitas íntimas, um direito seu.



National Geographic lança documentário sobre identidade de gênero

Depois da polêmica edição da revista National Geographic chamada “Gender Revolution”, o canal de TV pago NetGeo lança, também, inclusive no Brasil, o documentário “Revolução de Gênero: Uma jornada com Katie Couric”. É uma série documental que acompanha a jornalista e pesquisadora Katie Couric pelos EUA, em busca de médicos, cirurgiões, políticos, personalidades e nomes de referência quando o assunto é gênero. O filme, com mais de duas horas, também deve estrear em 171 países.
 
Em que idade nos aprendemos e aceitamos o nosso gênero?



Fantástico traz menina trans de 11 anos em nova série "Quem sou eu?"

“Olhe no espelho. Imagine que o que você vê não é o que você é”, é com essa frase que começa a primeira reportagem da série “Quem sou eu?”, que vai contar a história de pessoas transexuais em diferentes partes da vida, na infância, adolescência, vida adulta e mais além na terceira idade. A série é produzida pelo programa Fantástico, da Rede Globo, e apresentado por Renata Ceribelli. Na primeira matéria, apresentada neste Domingo, conhecemos Melissa, de 11 anos. 
 
A reportagem faz um paralelo com a história “Alice no País das Maravilhas”, de Lewis Carrol.



Transexual de São José dos Pinhais faz canal no YouTube para falar da sua transição

A atriz transexual Laysa Machado, que vive em São José dos Pinhais, criou um canal no YouTube para falar sobre a sua transição e suas experiências como uma mulher transexual. “Coisa da Laysa”, como é chamado, já está no ar desde agosto de 2016 e foi selecionado para o Prêmio Educando para o Respeito à Diversidade Sexual, do Instituto Brasileiro de Diversidade Sexual.
 
No primeiro vídeo do canal, Laysa fala sobre a sua transição, como foi o processo de identificação, descoberta e as mudanças de parâmetros ao se assumir trans.



Imperdível, participe: Festival de Curitiba começa com Gaymada na Praça Osório

O Festival de Curitiba é o maior evento cultural do Paraná e até mesmo do Sul do país. Reconhecido por suas apresentações de teatro e dança, o evento traz novas manifestações e intervenções na edição de 2017. O “Campeonato Interdrag de Gaymada”, organizado pelo coletivo Toda Deseo, de Belo Horizonte,  fará intervenções na Praça Osório e no Passeio Público nos dias 29 e 30 de março, em uma tentativa de discutir a diversidade de gênero no espaço público.



Transexual é encontrada morta a pauladas em Florianópolis

A mulher trans Jennifer Célia Henrique, 38 anos, conhecida por Jennifer do Santinho, foi assassinada na madrugada de hoje. Seu corpo foi encontrado com sinais de estrangulamento e lesões hoje pela manhã, 10 de março, na região Norte da Ilha, perto do Angeloni dos Ingleses. Moradora da Praia do Santinho, ela era conhecida nas redes sociais e fazia consultoria de cosméticos.
 
Jenni foi encontrada pela polícia. O crime, que está sendo investigado pela 8ª Delegacia de Polícia Civil, colocou diversos fãs em choque. “Muito triste com a notícia. Partiu meu coração.



Dia internacional da Mulher: Travesti é encontrada morta em Laranjeiras do Sul

Uma travesti foi encontrada morta embaixo da passarela da Praça do Cristo, em Laranjeiras do Sul, no Paraná, na manhã de hoje, 8 de março, Dia Internacional da Mulher. A identidade ainda não foi revelada e a causa da morte não foi identificada, apesar de os guardas que encontraram o corpo afirmarem não ter sinais de violência e que aparenta ter morrido de motivos naturais.
 
Laranjeiras do Sul é uma cidade de cerca de 30 mil habitantes que fica na região Centro-Oeste do Paraná. O simbolismo da morte da travesti assusta.



Trans brasileiras são autorizadas por federações de vôlei para atuar em times no Brasil e na Itália

A participação de atletas trans em equipes esportivas de qualquer naipe e em qualquer país do mundo ainda é assunto para polêmicas. Recentemente, a atleta goianiense Tifanny Abreu conquistou o direito de competir entre as mulheres na Liga B de vôlei italiana, com autorização da Federação Internacional de Vôlei. Mas as diretorias dos outros times caíram em cima.



Amor & Sexo tem programa exclusivamente dedicado à comunidade LGBT

Com grandes nomes da cultura LGBT nacional, como Pabllo Vittar, Liniker, MC Linn da Quebrada e As Deendjers, o programa Amor & Sexo que foi ao ar na noite de 02 de fevereiro foi dedicado exclusivamente a falar sobre identidade de gênero e sexualidade, no estilo telecurso. A letra T, da sigla LGBT, que representa todas as identidades transgêneros, ou seja, que não se identificam com a construção cultural do binarismo homem-mulher cis, ganhou visibilidade.



Pabllo Vittar nasceu para brilhar e ninguém duvida disso

Milhões de visualizações no Youtube, vocalista da banda do programa Amor & Sexo, álbum no TOP 3 do iTunes. A cantora drag brasileira Pabllo Vittar conquistou tudo isso em menos de dois anos da sua carreira como artista. Tudo começou quando lançou na internet o vídeoclipe de “Open Bar”, uma versão com samba de “Lean On”, do Major Lazer.



Fátima Bernardes debate gênero e transfobia em Encontro e apresenta crianças transexuais

Na última sexta-feira, 17 de fevereiro, a apresentadora Fátima Bernardes decidiu abordar a temática da transexualidade e gênero no seu programa “Encontro com a Fátima”. Para isso, ela trouxe uma criança trans, a Isabela, e a sua mãe, a Alexsandra. Durante o programa, Fátima desabafou sobre os comentários transfóbicos que recebeu pela internet quando anunciou o tema do programa do dia seguinte.




Dinamarca retira a transexualidade da lista de distúrbios mentais

A Dinamarca é mais uma vez o centro das atenções da comunidade trans. Depois do filme “A Garota Dinamarquesa” contar a história de Lili Elbe, agora a Dinamarca é novamente pioneira ao retirar a transexualidade da lista de doenças mentais no país. A decisão foi aprovada em Maio de 2016, mas só entrou em vigor no dia 1º de Janeiro de 2017. Agora, o país usará um código exclusivo para tratar as questões de identidade de gênero.




Vogue francesa tem sua primeira capa com uma modelo trans

A Vogue Francesa quer derrubar todas as estruturas com a edição de Março. A segunda maior edição do ano vai trazer a modelo trans brasileira Valentina Sampaio, que se tornará a primeira modelo trans a ser capa de uma edição da importante revista. A edição inteira será focada nos desafios de encarar as mudanças nos padrões de beleza e de como eles devem ser celebrados e incluídos. A manchete é: “Beleza transgênera: como eles estão mudando o mundo”.




Estudo aponta que crianças transexuais devem ser encorajadas

Um novo estudo publicado no jornal American Academy of Children and Adolescent Psychiatry revelou informações importantes sobre crianças trans. Ao acompanhar 63 crianças trans que têm o apoio dos pais ao longo de três anos, de 2012 a 2015, os pesquisadores descobriram taxas menores de propensão a depressão e ansiedade, dois problemas comuns entre crianças trans.
 
Na pesquisa, é comprovado cientificamente que a depressão e problemas de ansiedade são disparadamente mais comuns entre pessoas trans, do que cisgêneras.



Páginas