trans

Criança trans de 8 anos junta fundos para fazer casa em frente a igreja homofóbica

A Planting Peace é uma organização LGBTQ norte americana que tem sua sede bem em frente a Westboro Baptist Church, em Topeka, Kansas, uma igreja conhecida por suas doutrinas homofóbicas e seus protestos contra a população LGBT. Avery Jackson é uma garotinha trans de 8 anos que lançou uma campanha para angariar fundos e construir uma casa que celebrasse o orgulho trans bem ao lado da ONG.
 
A casa da Planting Peace é pintada com as cores do arco-íris, que representa o orgulho da comunidade.



Conheça a Jazz, a adolescente trans dona de seu próprio programa de TV

Jazz Jennings, uma menina trans americana de 14 anos, da Flórida, é a estrela do reality show “I Am Jazz”, produzido para a TLC e transmitido no Brasil pela Discovery Home & Health. O programa apresenta o processo de readequação pelo qual a menina passa, assim como mostra todo o apoio e suporte oferecido por sua família. A garota já é mundialmente reconhecida como uma das adolescentes mais influentes do mundo, pela revista Times e tem muitos seguidores nas redes sociais. 
 
Jazz já tinha noção da sua transexualidade quando era criança.



Drag Queen Rainha do Bate Cabelo de Curitiba quase acaba morta depois de sofrer ataque de ódio

Nicolas Ferreira, 19, mais conhecido como Paolla Massafera, coroada rainha do bate cabelo de Curitiba no mês passado, em evento na Cats Club, foi vítima de um brutal ataque homofóbico, ou transfóbico, nesta quinta-feira, por volta das 22h da noite, quando saía para ir para o Centro de Curitiba. Vestido de drag queen, ele iria acompanhar as apresentações de amigas, e esperava seu ônibus no bairro do Caiuá, onde faria uma baldeação, quando foi rendido por dois jovens armados com uma faca.



Colírio Trans: Téhh Queiroz tem 22 anos e é um garoto encantador

O jovem transexual Téhh Queiroz, 22, estudante de engenharia elétrica, nasceu e cresceu em Campinas, São Paulo, e há 10 meses realizou o sonho de fazer a sua mastectomia (retirada das mamas). Loiro, olhos verdes, ele treina todo dia e celebra sua conquista ao lado da namorada Juh Priingles, com quem está há três anos, e junto com toda a família que o apoiou incondicionalmente.
 
Quando pequeno, ele guardou um segredo: sabia que era diferente e desejava não precisar usar roupas femininas.



Evento sobre Diversidade na Política no TRE/PR traz exemplo da primeira travesti eleita no país

Diversidade na Política. Este será o tema da segunda edição do Projeto Inclusão Social na Política do CAFÉ CULTURAL, evento organizado pela Escola Judiciária Eleitoral do Tribunal Regional Eleitoral do Paraná, que contará com falas da cineasta Professora Doutora Karla Holanda e da Desembargadora Lenice Bodstein, no próximo dia 8 de julho, às 17h30, no auditório do TRE/PR (Rua João Parolin, 224 – Prado Velho).



Dramaturga transexual curitibana lança seu primeiro livro com textos teatrais

Neste sábado, Curitiba tem evento imperdível sobre teatro. A atriz, diretora teatral e dramaturga Leonarda Glück lança no próximo dia 2 de julho na Casa Selvática, coletivo artístico do qual faz parte, seu primeiro livro com seis peças teatrais especialmente selecionadas para a publicação, em parceria com a Editora Dybbuk. No lançamento do livro será feita leitura dramática dos textos da curitibana.



Jovem transexual está internada há 25 dias contra sua vontade em clínica particular de Curitiba

Há um mês, uma transexual de 23 anos denunciou no Transgrupo Marcela Prado, de Curitiba, as pressões que vivia com sua família, tradicional da cidade. Filha de um renomado médico, ela afirmou que os pais a levaram até um psiquiatra que a havia desencorajado a acreditar que era transexual. Em respeito à privacidade da paciente, não revelaremos seu nome.



Joinville recebe trans curitibana Maitê Schneider esta semana

Nesta quarta e quinta-feira, a atriz e ativista trans Maitê Schneider desembarca em Joinville para dois eventos. Na quarta ela estreia com sua peça Escravagina, com direção de Cesar Almeida, às 20h, no Galpão de Teatro Ajote ( Rua Quinze de Novembro, 1383. Anexo a Cidadela Cultural Antártica.).  O espetáculo, sucesso de público e crítica em Curitiba é uma autobiografia adaptada de seu processo de descoberta como mulher.



Cauã Reymond arrasa como travesti linda e vingativa em clipe

O galã Cauã Reymond estrela o clipe da cantora Bárbara Ohana, da música em inglês "Your Armies", e está deslumbrante como uma travesti que sofre transfobia e se vinga. A cantora é sobrinha da atriz Claudia Ohana e já foi vocal de apoio da banda de Gilberto Gil. Com uma linda voz, a qualidade do trabalho é alta e pode emplacar a moça lá fora facilmente. No clipe, Cauã é uma loira que paquera um rapaz que acaba a agredindo. Com a ajuda de uma amiga, vivida por Bárbara. ela se vinga brilhantemente.




Transexual é eleita deputada federal nas Filipinas

A transexual Geraldine Roman,49, se tornou esta semana a primeira transexual eleita para o Parlamento das Filipinas. Sua campanha foi prometer promover a luta contra o preconceito e a exclusão no país e dar continuidade ao legado de sua mãe. Geraldine recebeu mais de 60% dos votos do Partido Liberal. Ela representará a região de Bataan, no Nordeste das Filipinas. Filha de uma ex deputada que atuou por três mandatos, o máximo permitido pelas leis locais, ela mostrou querer fazer um trabalho de continuidade em sua campanha.



Deputados querem cassar uso do nome social de pessoas trans em escolas e delegacias

A resolução nº 12 do Conselho Nacional de Combate à Discriminação dos Direitos de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais, que entrou em vigor neste ano letivo, prevê que as escolas devem reconhecer e adotar o nome social de travestis e transexuais em todo o Brasil. O documento garante ainda a não discriminação das pessoas trans, bem como o uso do banheiro e tratamento em documentos de acordo com o gênero e nome que lhes correspondem. A resolução dá liberdade ao adolescente solicitar esses direitos sem necessidade da autorização dos responsáveis.



Rodeio de Cafelândia elege transexual como sua rainha

Alta, loira e de sorriso encantador. Não são poucos os atributos de Diana Victoria Paes, de 34 anos, eleita na última sexta-feira a Rainha do Rodeio de Cafelândia, no interior de São Paulo, a 640 km da capital paulista. Nascida na cidade de 18 mil habitantes, Diana foi inscrita no concurso por amigos, que depois a convenceram de participar da maior festa da cidade que acontece todos os anos e é organizada pela prefeitura. O rodeio começou sábado e vai até amanhã.



Tô passada: ONG lança curso preparatório para o Enem gratuito para LGBTs em Curitiba

O Transgrupo Marcela Prado, de Curitiba, lança cursinho preparatório para o Enem 2016 “Tô Passada”, um curso popular e gratuito de educação emancipadora. A proposta é  preparar melhor a comunidade LGBT para o ingresso no ensino superior, tendo como foco o ENEM, e na carreira profissional, sendo direcionado para mulheres transexuais, travestis, homens trans e demais população LGBT. O nome "tô passada" é uma gíria gay que foi colocada de forma super didática e positivista.




Liniker: "Sou bicha, sou preta, mas não sei se sou homem ou sou mulher”

Liniker teve seu nome inspirado em um jogador inglês, sugestão de um tio. Aos 20 anos, o cantor andrógino ganhou as manchetes ao lançar o clipe Zero, em que aparece de turbante, saia, batom, grandes brincos e salto. Há dois anos ele assumiu o jeito que se sente confortável de se vestir, decidiu levar isso ao seu trabalho. E revela que não sabe se é homem ou mulher: “Sou bicha, sou preta, mas não sei se sou homem ou sou mulher. Eu estou em processo. Estou sendo o que sou. Fazer o quê? Eu sou assim, não tem como fugir de quem eu sou”, declarou ele em entrevista para a Trip TV”.



Páginas