Arquivo importado

Higiene peniana é tabu entre homens

Redação Lado A 18 de Novembro, 2009 18h51m

COMPARTILHAR


De gays ou héteros, o órgão sexual masculino, o pênis, apresenta o acúmulo de secreções que podem causar mau cheiro. O popularmente chamado esmegma, ou sebo, é um líquido que ajuda na lubrificação externa peniana, principalmente para quem possuiu o prepúcio, a pele que cobre a glande, a cabeça do pênis. Parece nojento? E é nojento.


A falta de higiene masculina levou o Ministério da Saúde a lançar a Política Nacional de Saúde do Homem. O ministro José Gomes Temporão, em seu discurso sobre o programa, afirmou que a saúde do homem é pouco trabalhada no Brasil. Mas, a falta de higiene masculina, tanto de brasileiros como de estrangeiros, é motivada mais por problemas culturais do que físicos ou psicológicos. Eles se veem como o sexo forte, que não fica doente, e tendem a não procurar médicos para, por exemplo, simplesmente fazer um check-up.


Abaixo, seguem algumas digas de higiene masculina, focadas no pênis:


Use camisinha em qualquer relação. Mesmo se for o cara mais gostoso de Curitiba ou do Brasil, lembre que além de prevenir contra AIDS e outras DSTs, você estará protegendo seu pênis contra bactéria e fungos.


Lave diariamente seu pênis, mesmo não tendo uma relação sexual. Depois de fazer xixi, por exemplo, passe sabão e lave na torneira da pia ou do chuveiro se você tiver prepúcio, ou ainda seque com um papel limpo.


Você já ouviu isso da sua mãe, do seu pai e do médico, mas nunca é demais ouvir ou ler novamente: no banho, puxe o prepúcio –  circuncidados já tem uma vantagem neste quesito – para trás e passe bastante sabão na cabeça do pênis e lave com água em abundância.


Além das dicas acima, é sempre bom verificar se seu parceiro é limpinho. E é sempre bom visitar um médico, principalmente se aparecer algum sinal estranho como dor, secreções, bolhas, coceira, verrugas ou manchas.

Redação Lado A

SOBRE O AUTOR

Redação Lado A

A Revista Lado A é a mais antiga revista impressa voltada ao público LGBT do Brasil, foi fundada em Curitiba, em 2005, pelo jornalista Allan Johan e venceu diversos prêmios. Curta nossa página no Facebook: http://www.fb.com/revistaladoa

Banner Marcação 1000x220

COMPARTILHAR


COMENTÁRIOS