Arquivo

Leitores não acreditam que gays do BBB10 colaboram para melhor imagem da comunidade

Redação Lado A 03 de Fevereiro, 2010 19h04m

COMPARTILHAR


Para 61% dos nossos internautas, a participação da tribo coloridos no Big Brother Brasil 10 “só piora a imagem dos gays”. Os trejeitos e estereótipos do grupo, aumentam o preconceito ao reforçarem a imagem de que os gays são afeminados e que gostam de se vestirem de mulher, suspeitamos. Por outro lado, a lésbica Ana Angélica vem se comportando de maneira adorável, sem grandes trejeitos e dentro dos padrões ditos aceitáveis. Apesar de não agredir visualmente, ela mostra um discurso inteligente e comprometido com a causa, diferente dos meninos. Dicésar, ou Dimmy até defende os gays e tenta argumentar, diferente de Serginho que não está nem aí para o preconceito ou a seriedade do assunto.


Já 31% acreditam que a participação dos brothers gays no BBB10 “ajuda a diminuir o preconceito”. As discussões sobre o tema e a simples presença de gays no programa é visto de maneira positiva por esses leitores.


O processo de construção de imagem ou do senso comum é um processo que demora décadas, e tem vários fatores ou fontes que ajudam nessa criação. Mas a participação deve ser vista como positiva, pois mostra algumas das faces da diversidade humana. Se as pessoas irão generalizar o comportamento de todos os homossexuais, apenas tendo como base os personagens do programa, revela que já há uma falta de informação e predisposição (preconceito) a idealizar os gays desta forma. Mesmo assim, é aberta uma porta para a discussão, você pode aproveitar a brecha e mostrar que nem todos os gays são iguais.

Redação Lado A

SOBRE O AUTOR

Redação Lado A

A Revista Lado A é a mais antiga revista impressa voltada ao público LGBT do Brasil, foi fundada em Curitiba, em 2005, pelo jornalista Allan Johan e venceu diversos prêmios. Curta nossa página no Facebook: http://www.fb.com/revistaladoa

Banner Marcação 1000x220

COMPARTILHAR


COMENTÁRIOS