Arquivo

Candidata do Miss Universo Canadá desclassificada por ser transexual

Redação Lado A 28 de Março, 2012 18h52m

COMPARTILHAR


A modelo transexual de 23 anos, Jenna Talackova, de Vancouver, acusou os organizadores do concurso Miss Universo Canadá de discriminação, mas um pedido para que ela fosse aceita novamente já recolheu mais de 40 mil assinaturas no site Change.org. Ela disputaria em Maio, em Toronto, a final do Miss Universo Canadá com outras 65 beldades mas foi retirada da competição sem maiores explicações na semana passada.

A organização Beauties of Canada, organizadora do concurso canadense Miss Universo – marca de propriedade do magnata Donald Trump e da rede NBC, afirmou em seu site que Jenna foi desclassificada porque “não cumpria com os requisitos para competir”, contudo, as regras do concurso dizem apenas que a candidata deve ter nascido no Canadá, ter entre 18 e 27 anos e que não pode ser casada ou estar grávida, requisitos que não desclassificariam a modelo.

Em entrevista ao Jornal canadense Vancouver Sun, a ex-candidata relatou que “tudo o que poderia dizer é que a organização a desclassificou porque ela não nasceu “naturalmente mulher”. A transexual só falará novamente sobre o assunto na próxima semana, após consultar seus advogados.

Jenna faz hormonioterapia desde os seus 14 anos e realizou a cirurgia de redesignação sexual em 2010.

Redação Lado A

SOBRE O AUTOR

Redação Lado A

A Revista Lado A é a mais antiga revista impressa voltada ao público LGBT do Brasil, foi fundada em Curitiba, em 2005, pelo jornalista Allan Johan e venceu diversos prêmios. Curta nossa página no Facebook: http://www.fb.com/revistaladoa

Banner Marcação 1000x220

COMPARTILHAR


COMENTÁRIOS