Arquivo importado

Ganso que viveu durante 24 anos ao lado de um cisne morre na Nova Zelândia

Redação Lado A 18 de Fevereiro, 2018 13h30m

COMPARTILHAR

TAGS


Depois de viver muitos anos ao lado de seu grande amor e constituir diversas famílias, o ganso Thomas faleceu e deixou saudades na cidade de Waikanae, na Nova Zelândia. Thomas viveu 24 anos ao lado de Henry, um cisne negro que vivia na lagoa de Kāpiti e que o abandonou para viver ao lado da fêmea Henrietta, com quem teve 68 filhotes.
 
Os gansos são uma espécie que costuma manter suas relações para sempre com o mesmo parceiro. Apesar de viverem em pequenos grupos com seus familiares, Thomas deixou tudo para trás e foi viver ao lado do cisne Henry. Mesmo que o cisne negro o tenha abandonado por Henrietta, Thomas se uniu ao casal formando um triângulo amoroso, e até mesmo ajudou a cuidar dos 68 filhotes de cisne. 
 
Após seis anos de convivência com o casal de cisnes, Henry  morreu em 2009. Segundo o criador de pássaros Mick Peryer, o ganso ficou desolado com a partida de Henry e de Henrietta, que foi embora para viver com outro cisne. Thomas estava completamente sozinho. 
 
Ainda segundo o cuidador de aves, após a morte do cisne, Thomas teve filhotes com outras fêmeas da região mas um outro ganso, o George, os roubou do paterno Thomas. “Dava para ver o George com as crias e Thomas atrás deles”, disse Peryer. Tomado por uma cegueira, Thomas foi transferido em 2013 para uma reserva para viver com outros gansos cegos, o Fundo de Reabilitação de Aves de Wellington, onde continuou a cuidar de filhotes de outras aves durante seus últimos dias de vida. 
 
Agora, Thomas será enterrado ao lado de Henry, junto com uma espiga de milho e uma placa em sua homenagem. Qualquer admirador de Thomas poderá participar da despedida. “Será um dia especial, aberto a qualquer um que desejar se despedir. Esperamos ver todos vocês por lá”, convidou a página do lago Waimanu, sobre a homenagem ocorrida no início deste mês. 
 
Redação Lado A

SOBRE O AUTOR

Redação Lado A

A Revista Lado A é a mais antiga revista impressa voltada ao público LGBT do Brasil, foi fundada em Curitiba, em 2005, pelo jornalista Allan Johan e venceu diversos prêmios. Curta nossa página no Facebook: http://www.fb.com/revistaladoa

Banner Marcação 1000x220

COMPARTILHAR

TAGS


COMENTÁRIOS