“Não está dentro daquilo que Deus criou”, diz Padre Reginaldo Manzotti sobre identidade de gênero

Redação Lado A 24 de Abril, 2018 13h41m

COMPARTILHAR

TAGS


Em entrevista concedida ao programa “Conversa com Bial”, da Rede Globo, que foi ao ar na quinta-feira de 19 de abril de 2018, o padre paranaense Reginaldo Manzotti fez declarações transfóbicas. O sacerdote disse que as pessoas trans não são criações de Deus porque desobedecem a ordem estabelecida de que só existem homens e mulheres.

Grande influenciador, o padre prestou um desserviço à população trans em rede nacional. Ignorante de qualquer compreensão sobre gênero, Manzotti disse ainda que incluir conhecimentos sobre o assunto dentro das escolas é uma forma de subversão a Deus. “Um ataque contra o homem e a mulher, é um ataque contra o Deus criador”, afirmou.

Reginaldo Manzotti passou a falar sobre gênero quando explicava o motivo de sua campanha sacerdotal, intitulada “Evangelizar é preciso”. Segundo o líder espiritual, a humanidade está se deteriorando e desviando dos desígnios divinos. O padre retratou pessoas trans como corrompidos, ignorando totalmente o direito à identidade e expressão de gênero e a transfobia que mata todos os dias.

Para a advogada carioca da “Rede Nacional de Travestis, Mulheres Transexuais e Homens Trans Vivendo e Convivendo com HIV AIDs”, Maria Eduarda, “ao agir assim o Padre ofendeu o direito a dignidade da pessoa humana e a um tratamento não discriminatório, ofendeu a Constituição, ao estado laico e aos Direitos Humanos. […] A atitude do tal padre foi fascista, transfóbica e merece nosso total repúdio, pois não devemos compactuar com a transfobia nunca!”.

O discurso de Reginaldo Manzotti, como figura pública, influencia ainda mais a intolerância e discriminação pautada em fundamentos religiosos. A violência sofrida todos os dias tem ligação direta com esse tipo de discurso, espalhado em rede nacional. Em 2017, mais de 190 transexuais e travestis foram mortas no Brasil, conforme relatório do Grupo Gay da Bahia. Em 2018 já foram mais de 50 vidas interrompidas em menos de quatro meses.

 

Confira a entrevista do padre com o apresentador Pedro Bial:

 

 

 

 

Redação Lado A

SOBRE O AUTOR

Redação Lado A

A Revista Lado A é a mais antiga revista impressa voltada ao público LGBT do Brasil, foi fundada em Curitiba, em 2005, pelo jornalista Allan Johan e venceu diversos prêmios. Curta nossa página no Facebook: http://www.fb.com/revistaladoa

Banner Marcação 1000x220

COMPARTILHAR

TAGS


COMENTÁRIOS