Para enfrentar dificuldade financeira, personagem de “Malhação” se torna drag queen

Redação Lado A 21 de Abril, 2018 13h58m

COMPARTILHAR

TAGS


As últimas edições da novela “Malhação” estão abordando diversos temas da atualidade. Racismo, machismo, preconceito de classe e contra a população LGBT são alguns do temas da trama teen exibida há mais de 20 anos. A temporada de 2018 contará com um personagem que se tornará drag queen.

O adolescente Leandro, vivido por Dhonata Augusto, vem de uma família humilde e conseguiu bolsa em um colégio particular do Rio de Janeiro. Diante das inúmeras dificuldades financeiras, o jovem encontra a oportunidade de trabalhar como drag queen em uma boate da cidade, mas mantém o ofício em segredo por causa do pai muito conservador.

Leandro é heterossexual e apaixonado por Maria Alice, personagem de Alice Milagres. O inimigo do adolescente, Alex, interpretado por Daniel Rangel, passa a vigiar Leandro e descobre seu trabalho como drag queen. Alex filma toda a performance de seu desafeto e pretende usar o vídeo para afastá-lo de Maria Alice.

O personagem de Leonardo Bittencout, Hugo, descobre as gravações e se torna o responsável por espalhar as imagens de Leandro como drag. Em poucas horas todos do colégio ficam sabendo do trabalho do estudante, inclusive seu pai, o que desencadeia uma grande discussão. Mesmo com o apoio da namorada, Leandro vê seu plano dando errado e é expulso de casa, mais uma brecha que o enredo encontrou para falar sobre LGBTfobia e machismo.

 

 

 

Redação Lado A

SOBRE O AUTOR

Redação Lado A

A Revista Lado A é a mais antiga revista impressa voltada ao público LGBT do Brasil, foi fundada em Curitiba, em 2005, pelo jornalista Allan Johan e venceu diversos prêmios. Curta nossa página no Facebook: http://www.fb.com/revistaladoa

Banner Marcação 1000x220

COMPARTILHAR

TAGS


COMENTÁRIOS