Após ser censurada em festival, peça com Jesus Trans fará apresentação em Pernambuco com recursos de vaquinha

Redação Lado A 04 de Julho, 2018 20h16m

COMPARTILHAR

TAGS


Após ser retirada da programação do Festival de Inverno de Garanhus (FIG), em Pernambuco, a peça O Evangelho Segundo Jesus, Rainha do Céu está angariando recursos. Essa iniciativa partiu de um grupo de artistas e simpatizantes do espetáculo para garantir a sua apresentação. Mesmo sem o apoio do governo, o grupo já conseguiu arrecadar 6 mil reais.

Na sexta-feria, 29 de junho, o prefeito de Garanhus Izaías Régis (PTB) proibiu a apresentação do espetáculo. Segundo Régis, a obra não deveria ser encenada através dos equipamentos do município. Outro argumento era sobre o espetáculo se beneficiar do dinheiro público, destinado ao FIG.

O Festival de Inverno de Garanhus também é custeado pelo Governo do Estado, que se opôs, inicialmente, ao veto do prefeito Izaías. A argumentação do Secretário de Cultura do Estado foi a de que a peça era destinada ao público adulto. Por isso, para Marcelino Granja, ela poderia ser encenada normalmente.

Por outro lado, apesar da posição positiva do Governo do Estado, os produtores da peça enfrentaram outro obstáculo. No dia 30 de junho, Dom Paulo Jackson, da Diocese de Garanhus, protestou contra o espetáculo. Segundo o sacerdote, a peça fere a crença cristã de toda a população do município e configura desrespeito à religião. Dom Paulo Jackson ameaçou o Governo do Estado dizendo que se a peça fosse encenda, ele não permitiria nenhuma das inúmeras apresentações musicais da FIG dentro da Igreja Catedral. Desse modo, o secretário Marcelino Granja voltou atrás e cancelou o espetáculo. Para a organização, toda essa censura aconteceu por questões políticas, conservadoras e de preconceito baseadas em dogmas religiosos.

Diante desse impasse, a organização do evento se reuniu para procurar uma solução. A arrecadação de fundos para a realização do espetáculo foi um sucesso. Em menos de 30 horas atingiu mais do que o valor estipulado. A contribuição mínima é de R$ 15 reais e os maiores valores terão seus nomes anunciados no evento como patrocinadores. Para contribuir, basta acessar o site de arrecadação.

O Evangelho Segundo Jesus a Rainha do Céu

Escrita por JoClifford em 2009, a peça já percorreu diversos palcos do Brasil. Essa não é a primeira vez que a montagem enfrentou desafios. Devido ao seu tom polêmico, já foi censurada diversas vezes. A ideia da volta de Jesus Cristo como uma mulher transexual, elemento tão marginalizado socialmente, choca as alas mais conservadoras da sociedade.

A mensagem passada em O Evangelho Segundo Jesus A Rainha do Céu é a mesma que o Jesus conhecido por todos passa: o amor. Mesmo assim, somente pelo fato de uma atriz transexual encenar Jesus, um espírito que pode se materializar em qualquer lugar, a peça causa espanto. Segundos olhos conversadores, uma travesti não seria digna de encenar e muito menos ser Jesus Cristo.

Sucesso de público no Brasil, a peça encenada pela atriz trans Renata Carvalho enfrenta os mesmos obstáculos que JoClifford enfrentou. Na estreia da peça em 2009, o teatro lotado com com pessoas ávidas pela novidade contrastava com a ira dos fundamentalistas.  Mais de 300 pessoas agitavam cartazes contra a apresentação.

Felizmente, a montagem com a atriz renata carvalho conseguiu muito apoio. Suas apresentações pelo brasil não enfrentam apenas os problemas, mas também a aclamação de um público que entende a mensagem de amor e caridade.

 

 

 

Redação Lado A

SOBRE O AUTOR

Redação Lado A

A Revista Lado A é a mais antiga revista impressa voltada ao público LGBT do Brasil, foi fundada em Curitiba, em 2005, pelo jornalista Allan Johan e venceu diversos prêmios. Curta nossa página no Facebook: http://www.fb.com/revistaladoa

Banner Marcação 1000x220

COMPARTILHAR

TAGS


COMENTÁRIOS