Expulso de casa por ser gay, jovem consegue bolsa de estudos na Flórida

Redação Lado A 08 de Agosto, 2018 10h40m

O estudante Seth Owen, de 18 anos, ganhou recentemente uma bolsa para estudar na Universidade de Georgetown, localizada em Washington, nos Estado Unidos. Após ser expulso de casa por ser gay, o rapaz corria o risco de perder a chance de estudar. Apesar de receber muitas doações pela internet, a universidade decidiu lhe conceder uma bolsa de estudos integral.

Seth Owen mora em Jacksonville, na Flórida, e no mês de fevereiro deste ano foi expulso de casa. Segundo a família, o estudante só seria aceito novamente em casa se passasse a frequentar uma igreja. Consequentemente, os pais esperavam que ele deixasse de ser homossexual para não envergonhar a família. Diante da negativa do jovem, a família o desligou de seu núcleo.

Uma professora de biologia que deu aula para Owen no ensino médio se compadeceu de sua história. Jane Martin resolveu abrir uma conta através do site GoFundMe para que angariasse recursos para custear os estudos do jovem. A história do rapaz correu as redes sociais e comoveu muita gente. Assim, eles conseguiram arrecadar em pouco tempo o montante de 140 mil dólares. O valor seria bem mais do que o suficiente para pagar os primeiros meses de estudo, como Owen havia planejado. Segundo Jane Martin, Owen sempre foi um grande aluno que trabalhava integralmente até concluir seus estudos no ensino médio. Por isso, ele merecia a ajuda.

Inicialmente, a meta de Owen e de sua professora era conseguir 20 mil dólares, para custear o primeiro ano de estudos. Porém, eles conseguiram muito mais dinheiro e a história chegou até a Universidade de Georgetown. A instituição católica havia negado ajuda financeira ao jovem, mas por conhecer a história do rapaz, decidiu lhe conceder uma bolsa.

Estudantes LGBT

Agora que conseguiu a bolsa de estudos, Seth Owen pretende usar o dinheiro arrecadado para pagar suas despesas pessoas enquanto estiver na universidade. Por outro lado, o jovem pensou nas demais pessoas LGBT que enfrentam as dificuldades que ele sentiu para entrar na universidade. Portando, Owen vai usar parte do dinheiro arrecadado para criar um fundo que custeie os estudos de outros universitários LGBT. O jovem disse estar ansioso para começar seus estudos durante o outono na Flórida e ajudar outras pessoas da comunidade.

Redação Lado A

SOBRE O AUTOR

Redação Lado A

A Revista Lado A é a mais antiga revista impressa voltada ao público LGBT do Brasil, foi fundada em Curitiba, em 2005, pelo jornalista Allan Johan e venceu diversos prêmios. Curta nossa página no Facebook: http://www.fb.com/revistaladoa

Banner Marcação 1000x220

COMENTÁRIOS