BBB19: percussionista lésbica Gabriela Hebling é uma das participantes do reality show

Redação Lado A 16 de Janeiro, 2019 15h54m

O programa Big Brother Brasil estreia amanhã, 15 de janeiro, e contará com 17 participantes. Dentre os “brothers” está a designer gráfica Gabriela Hebling. Lésbica assumida, a moça de 32 anos é muito ativa nas redes sociais na luta pelos direitos LGBT. Hebling também é percussionista e trabalha em movimentos culturais de sua cidade.

Gabriela é de Ribeirão Preto, em São Paulo, mas nasceu na capital do estado. Formada em Produção Audiovisual,  a designer é muito apegada aos seus familiares e amigos. Gabriela contou em entrevista que foi adotada ainda em seus primeiros dias de vida. Quando sua mãe biológica a pariu, não poderia criá-la por não ter condições financeiras. Ao mesmo tempo, no quarto ao lado, sua mãe adotiva a esperava no hospital. Assim, Maria Célia, mãe adotiva de Gabriela, a criou em sua família.

Ao ser entrevistada sobre sua participação no Big Brother Brasil, Gabriela disse que é pacífica mas não tolera injustiças. Para vencer o programa, Gabriela vai se inspirar na última vencedora que assim como ela é negra. Gleici Damasceno veio de família humilde, e com muita força e simpatia venceu o BBB 2018.

Namorada

Para entrar na casa, apesar de sua alegria, Gabriela experimentou algumas tristezas. Visando se manter mais focada no jogo, ela e a namorada entraram em um acordo de terminar a relação. Maria Laura e Gabriela namoravam há quatro anos, no entanto, terminaram em agosto quando a percussionista começou os processos para participar do BBB.

As duas se conheceram em uma festa, em outubro de 2014, e começaram a namorar dentro de um mês. Apesar do término do namoro, segundo Maria Laura, as duas tem uma relação de cumplicidade. No Instagram, a ex-namorada fez postagens de apoio e torcida por Gabriela. “VOA BABY! Tenho certeza que cê vai inspirar muitos corações por aí! Te amo!”, escreveu.

Redação Lado A

SOBRE O AUTOR

Redação Lado A

A Revista Lado A é a mais antiga revista impressa voltada ao público LGBT do Brasil, foi fundada em Curitiba, em 2005, pelo jornalista Allan Johan e venceu diversos prêmios. Curta nossa página no Facebook: http://www.fb.com/revistaladoa

Banner Marcação 1000x220

COMENTÁRIOS