Ativistas projetam frases de resistência LGBT em prédios da Esplanada dos Ministérios

Redação Lado A 04 de Janeiro, 2019 13h13m

Ativistas da ONG All Out fizeram uma intervenção nos prédios da Esplanada dos Ministérios em prol da comunidade LGBT. Mensagens com frases de resistência dessa população diante do novo governo foram projetados na área externa das edificações. A intervenção foi realizada na quarta-feira, 2 de janeiro, já na gestão de Jair Bolsonaro (PSL).

Um dos prédios que recebeu as projeções foi a do Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos. Atualmente a ministra deu declarações polêmicas sobre gênero e sexualidade, assim como os LGBTs não foram citados nas novas competências do Ministério. Por outro lado, Damares Alves corrigiu suas declarações dizendo que os LGBTs não terão direitos retirados. Além disso, o Ministério publicou outro documento no qual inclui os LGBTs novamente.

“Somos LGBT+ e vamos resistir”, dizia uma das frases. Outras projeções contemplavam especificamente as pessoas representadas pelo restante da sigla. A Polícia Legislativa foi acionada, o que ocasionou o encerramento da ação. De acordo com os organizadores o processo é pacífico, então decidiram finalizar uma vez que já tinham dado o recado.

All Out

A entidade responsável pelas projeções presta serviços de proteção aos LGBTs de todo o mundo através da internet. A ONG luta pelos direitos dessa população principalmente em países onde é crime ser LGBT. Na Chechênia, homossexuais desaparecem e são torturados. Na Uganda, Rússia, Brasil e Alemanha, também há perseguição em diversos aspectos. Por isso, a entidade se organiza através de alianças com outras organizações ao redor do mundo.

Quanto ao atual cenário do Brasil, o presidente da All Out, Leandro Ramos, se diz resistente. Para ele, os pequenos avanços diminuem o medo da LGBTfobia no Brasil. De acordo com o diretor da ONG, os direitos adquiridos até então são irreversíveis e além disso haverá uma grande resistência quanto a qualquer retrocesso. Por outro lado, ele entende a gravidade da situação do Brasil com um presidente e uma base conservadora extremamente LGBTfóbicos.

Redação Lado A

SOBRE O AUTOR

Redação Lado A

A Revista Lado A é a mais antiga revista impressa voltada ao público LGBT do Brasil, foi fundada em Curitiba, em 2005, pelo jornalista Allan Johan e venceu diversos prêmios. Curta nossa página no Facebook: http://www.fb.com/revistaladoa

Banner Marcação 1000x220

COMENTÁRIOS