Mostra argentina tem arte sobre diversidade e expõe casais homoafetivos na fachada de centro cultural

Redação Lado A 08 de Fevereiro, 2019 15h35m

O Centro Cultural Recoleta, localizado em Buenos Aires, na Argentina, lançou um programa artístico de verão que contempla a arte LGBTI+. O programa é o Amor de Verão, que reúne diversas atividades culturais voltadas para a comunidade jovem da cidade. O eixo das atividades é o amor, e o projeto está funcionando entre os meses de janeiro e fevereiro.

Atividades, shows e apresentações de teatro, música, exposições, literatura, cinema, hip hop, palestras e desenhos são disponibilizados pela Amor de Verão. As atividades serão gratuitas.

A exposição El Abrazo, de Sebastian Cury, foi inaugurada na fachada do Centro Cultural Recoleta. Com desenhos em que personagens aparecem em abraços, a arte também contempla a diversidade. Outra arte sobre que representa a comunidade LGBT é de Yaia, epígrafe do artista argentino Julio Cesar Battistelli. Suas artes com representações de relações homoafetivas também estão expostas na fachada do Centro Cultural Recoleta.

Yaia compôs a sua mostra para a Amor de Verão sob inspiração musical. O artista considera o amor, tema da mostra, um assunto muito amplo para explorar na arte. Por isso, ele considera diversas interpretações que podem ser refletidas em seus desenhos.

Programação

Amor de Verão disponibilizará atividades artísticas e culturais até o início do mês de março. Para consultar a programação, basta acessar o site do Centro de Cultura Recoleta. Além da Amor de Verão, outras exposições estão acontecendo gratuitamente para o público.

O endereço do Centro de Cultura Recoleta é: Junín 1930, C1113 AAX, Buenos Aires, Argentina.

Redação Lado A

SOBRE O AUTOR

Redação Lado A

A Revista Lado A é a mais antiga revista impressa voltada ao público LGBT do Brasil, foi fundada em Curitiba, em 2005, pelo jornalista Allan Johan e venceu diversos prêmios. Curta nossa página no Facebook: http://www.fb.com/revistaladoa

Banner Marcação 1000x220

COMENTÁRIOS