Após exibir drag queens em suas apresentações, Xuxa retira referências LGBT+ de novos shows

Redação Lado A 15 de Agosto, 2019 14h21m

COMPARTILHAR

TAGS


Depois de afirmar por diversas vezes que defende a comunidade LGBT+, a apresentadora Xuxa surpreendeu. Ela decidiu retirar qualquer característica ou referência que lembre o publico LGBT+ de seus shows. A apresentadora voltará aos palcos ainda essa semana, e a nova imagem da apresentação  não contempla mais a diversidade.

Antes, Xuxa chamou drag queens para atuar no palco de seus shows. Além disso, muita cor e brilho que faziam referência à comunidade LGBT+ estavam no cenário. Xuxa, que trabalha na Rede Record, emissora cujos proprietários são evangélicos, já defendeu os LGBTs em seu programa.

Em maio deste ano, Xuxa se posicionou contra um vídeo homofóbico da ministra Damares Alves. A representante do Ministério da Família, da Mulher e dos Direitos Humanos, disse em vídeo que a princesa Elsa, personagem da Disney, é lésbica. Segundo Damares, a personagem tem essa orientação sexual porque vive sozinha, sem um príncipe. Em contrapartida, Xuxa usou seu Instagram para condenar a fala de Damares. Xuxa defendeu os LGBTs e disse que o vídeo era uma ignorância e falta de respeito.

Preconceito

A motivação para a exclusão de características LGBT, segundo a própria Xuxa, foi o preconceito. A apresentadora informou que em outros eventos que fez com a temática LGBT, o público não aceitou bem. As “paquidrags”, drag queens que estiveram nesse evento, foram os maiores motivos de polêmica. Segundo Xuxa, seu público a questionou muito. Além disso, ela percebeu uma baixa no número de pessoas que frequentavam seus shows.

Sobre o novo show que estreia no dia 17 de agosto, Xuxa disse que apresentará “mudanças radicais”. A “rainha dos baixinhos” contou ainda que deseja atender às expectativas de seu público, exibindo o que eles desejam ver em um show da artista.

 

Redação Lado A

SOBRE O AUTOR

Redação Lado A

A Revista Lado A é a mais antiga revista impressa voltada ao público LGBT do Brasil, foi fundada em Curitiba, em 2005, pelo jornalista Allan Johan e venceu diversos prêmios. Curta nossa página no Facebook: http://www.fb.com/revistaladoa

Banner Marcação 1000x220

COMPARTILHAR

TAGS


COMENTÁRIOS