“Homossexualismo tem perdão?”, diz atividade de escola adventista em Belém

Redação Lado A 19 de Novembro, 2019 13h49m

O Colégio Adventista de Belém, no Pará foi acusado de homofobia devido a uma atividade escolar. O irmão mais velho de uma aluna da instituição divulgou nas redes sociais imagens da atividade considerada homofóbica. A tarefa fazia questões sobre “homossexualismo”, cura e perdão.

De acordo com a denúncia, a tarefa fazia parte da disciplina de Língua Portuguesa. Para realizá-la, os alunos precisaram ler o livro “De Bem Com Você” de Sueli Nunes Ferreira e Marcos de Benedicto. Os autores, por sua vez, são religiosos da área do jornalismo e teologia. O conteúdo do livro enaltece a proximidade com Deus e cita o “homossexualismo” sob o viés da “cura gay”.

Após a leitura do livro, os alunos do 9º anos do ensino fundamental receberam a atividade. As questões abordam a homossexualidade como doença, sugerindo a cura. Além disso, os alunos foram questionados sobre “como evitar o homossexualismo”. No âmbito religioso, a atividade questionada se a homossexualidade tem perdão e qual o posicionamento da Bíblia sobre o assunto.

Nota

Após a imensa repercussão das imagens da atividade escolar, o Colégio Adventista emitiu uma nota sobre o ocorrido. De acordo com a escola, a atividade apresentou questões que tinham o intuito de considerar as diversas opiniões diferentes dos estudantes que tinham a “oportunidade de expressar livremente a sua opinião”.

Ainda segundo o colégio, o livro usado como base para as perguntas é condizente com o conhecimento do aluno. Assim, seu uso resultaria na formação de alunos respeitosos com as diversas opiniões e que por sua vez sejam capazes de pensar com autonomia.

Por fim, o Colégio Adventista afirmou que “respeita todos os indivíduos sem qualquer tipo de discriminação sexual, racial, religiosa ou de outra natureza.”. A nota afirma ainda que o Colégio Adventista é uma “instituição confessional” e apresenta uma proposta pedagógica baseada na Bíblia.

 

 

Redação Lado A

SOBRE O AUTOR

Redação Lado A

A Revista Lado A é a mais antiga revista impressa voltada ao público LGBT do Brasil, foi fundada em Curitiba, em 2005, pelo jornalista Allan Johan e venceu diversos prêmios. Curta nossa página no Facebook: http://www.fb.com/revistaladoa

Banner Marcação 1000x220

COMENTÁRIOS