Prefeito que tentou impedir Parada LGBT é afastado em Caxias do Sul

Redação Lado A 28 de Janeiro, 2020 08h21m

COMPARTILHAR

TAGS


No dia 22 de dezembro, o prefeito de Caxias do Sul, na região metropolitana de Porto Alegre, Daniel Guerra (Democratas) foi afastado do cargo após perder o mandato. O processo de impeachment do prefeito recebeu por 18 votos de vereadores da cidade. Ele tenta até o momento reaver seu cargo na Justiça. No ano passado, o prefeito tentou proibir a Parada Livre da cidade mas o evento ocorreu por após um pedido na Justiça feito pelo Ministério Público estadual.

Na votação de seu afastamento, Daniel Guerra foi considerado culpado por impedir a realização de dois eventos em áreas públicas de Caxias. Um deles foi a Parada Livre, impedida de acontecer na Rua Marquês do Herval, junto à praça central.

Como o vice prefeito já havia renunciado ao cargo, a cidade é administrada pelo presidente da Câmara, agora prefeito interino.

Redação Lado A

SOBRE O AUTOR

Redação Lado A

A Revista Lado A é a mais antiga revista impressa voltada ao público LGBT do Brasil, foi fundada em Curitiba, em 2005, pelo jornalista Allan Johan e venceu diversos prêmios. Curta nossa página no Facebook: http://www.fb.com/revistaladoa

Banner Marcação 1000x220

COMPARTILHAR

TAGS


COMENTÁRIOS