Pesquisa revela truques que internautas dão em sites de paquera

Há certo tempo que é visto no dia a dia e, principalmente, em sites de relacionamento o número crescente de pessoas que se definem bissexuais. Há ainda quem diga que “o mundo é bissexual”. Muitos acreditam que “virou moda” declarar-se bissexual ou que com o crescimento da tolerância e mente aberta das pessoas essa condição tenha ficado mais comum para a sociedade.

Contudo, um site de relacionamentos dos Estados Unidos, o OkCupid, que mantêm uma espécie de página na web semelhante a um micro blog, voltado para pessoas que procuram parceiros, realizou uma pesquisa com seus mais de 1,5 milhão de usuários e se deparou com resultados, para alguns, inusitados.

Dentro todas as pessoas que se declaram bissexuais em seu perfil no OkCupid, 80% desses trocam mensagens com indivíduos de apenas um gênero. Deste modo, os pesquisadores sugerem que esse grupo de percentual é na verdade heterossexual ou homossexual.

Com a pesquisa também se constatou que a maioria das pessoas se declara em seus perfis serem cerca cinco centímetros mais altas do que realmente são, receber um salário 20% maior do que recebem de verdade e que se a foto do perfil for atraente, há grandes chances de essa fotografia ser antiga.

 

Categoria: 




Comentar

Conteúdo relacionado