Para leitores da Lado A, criminalização da homofobia é prioridade

Em enquete realizada no mês de novembro em nosso site, perguntamos aos nossos leitores, qual lei deveria ser a primeira a ser aprovada no Brasil entre Casamento Gay – que inclui direito a adoção e mudança de estado civil, União Civil – que reconhece uniões do mesmo sexo mas não estende os direitos assegurados aos casados – e a lei que criminaliza a homofobia – tornado crime manifestações de preconceito e violência contra homossexuais.

Mais da metade dos internautas que votaram na enquete (55%) afirmaram que projetos como o PL 122, que criminaliza a homofobia, deve ser a prioridade. A nossa enquete foi ao ar antes dos dois casos divulgados pela imprensa nacional no mês de novembro, do rapaz que levou um tiro de um militar no Rio de Janeiro e dos cinco garotos que agrediram gratuitamente supostos homossexuais na Av. Paulista. O projeto de lei já foi alterado para incluir o preconceito contra outras minorias, passou pela Câmara no ano passado e aguarda ser votado no Senado. O projeto está em análise desde 2001, ou seja, há nove anos.

O Casamento Gay ficou com 20% dos votos e a União Civil de pessoas do mesmo sexo com 25%. Não há projeto em trâmite que tente legalizar o casamento gay no país. Porém, desde 1995, há um projeto no Congresso Nacional para aprovar a união civil gay. O projeto de autoria da então deputada Marta Suplicy, ainda não foi votado, após enfadonhos 15 anos.

Categoria: 




Comentar

Conteúdo relacionado