Pesquisa aponta que cariocas discordam e não entendem sobre turismo GLS

Em pesquisa da faculdade de turismo UniverCidade, do Rio de Janeiro, 60% dos 1,2mil moradores entrevistados por telefone desconhecem o Turismo LGBT na capital carioca. A pesquisa abordou 45% mulheres, 40% moradores da zona sul e 50% com o nível médio. Quase metade, 45% dos entrevistados, afirmou que acha prejudicial à imagem da cidade o título de destino gay friendly. Enquanto isso 30% acreditam que a cidade deveria ser mais capacitada no assunto.

Sobre criar um bairro gay na cidade, 40% dos entrevistados acharam que seria importante para desenvolver o segmento. Para o pesquisador Bayard Boiteux, que coordenou a pesquisa, faltou uma campanha de esclarecimento da importância do turista GLS no Rio para a população em geral.

Em pesquisa anterior do mesmo profissional, 25% dos visitantes de outros países que vem ao Rio de Janeiro são LGBTs. Eles permanecem em média 5 dias na cidade e gastam US$140 por dia, o dobro da média dos outros turistas, o que significaria a metade de toda a arrecadação do Turismo na cidade.

Categoria: 




Comentários

Estive no Rio na parada de 2010, foi a pior cidade com referencia gay, não se encontra nada que fale de eventos gay, isso em plena parada, não temos bares para ir, na parada só tinha heteros, feio feio feio. Se liga Rio.

Estive no Rio na parada de 2010, foi a pior cidade com referencia gay, não se encontra nada que fale de eventos gay, isso em plena parada, não temos bares para ir, na parada só tinha heteros, feio feio feio. Se liga Rio.

Comentar

Conteúdo relacionado