europa

Ativista gay refugiado sofreu sequestro e violência sexual por dois dias na França

Zak Ostmane, 35, é um ativista gay argelino que fundou a ONG “Shams - France”, destinado a ajudar a população LGBT refugiada em países europeus. No dia 03 de março, Zac foi assaltado, sequestrado, espancado e violentado por dois dias na cidade francesa de Marselha. O ativista havia fugido da sua cidade natal por conta de perseguições.
 
Na Argélia, qualquer prática homossexual masculina ou feminina são ilegais e punidas por lei, com até vinte anos de prisão.



Novo comercial da Coca-Cola coloca rapaz gay e irmã disputando bofe

Como parte da campanha “Taste the Feeling”, a multinacional Coca-Cola criou um bem-humorado comercial que mostra um irmão e uma irmã brigando pela atenção de um limpador de piscinas gostosão. Lançada no último dia 02 de Março nos Estados Unidos, o vídeo segue a declaração da empresa em ser a favor de políticas inclusivas para a comunidade LGBT e contra políticas discriminatórias.
 
O enredo mostra uma garota e um garoto admirando o corpo escultural de um limpador de piscinas.



Itália: Núcleo contra discriminação é fechado depois de suposto esquema gay de prostituição

Uma denúncia de desvio de dinheiro para programa que promove prostituição fecha o Escritório Nacional Antidiscriminação Racial italiano, órgão que trabalhava no combate ao racismo e homofobia no país. A denúncia foi realizada por um programa de televisão italiano que afirmou um repasse da Unar de 55 mil euros para uma ONG LGBT que promovia relações sexuais em troca de dinheiro. 
 
A denúncia foi feita pelo programa Le Iene. Na reportagem, não foram indicados nomes de envolvidos, nem da instituição que estaria recebendo o dinheiro e promovendo prostituição.



Vogue francesa tem sua primeira capa com uma modelo trans

A Vogue Francesa quer derrubar todas as estruturas com a edição de Março. A segunda maior edição do ano vai trazer a modelo trans brasileira Valentina Sampaio, que se tornará a primeira modelo trans a ser capa de uma edição da importante revista. A edição inteira será focada nos desafios de encarar as mudanças nos padrões de beleza e de como eles devem ser celebrados e incluídos. A manchete é: “Beleza transgênera: como eles estão mudando o mundo”.




Favorito em pesquisas presidenciais da França tem sua sexualidade questionada e afirma ser hétero

Emmanuel Macron é um político francês de 39 anos, um dos favoritos à presidência da França nas eleições de 2017. Rumores duvidam sobre sua sexualidade. Há quem espalhe boatos de que ele é homossexual, mesmo sendo casado com Brigitte Trogneux - 24 anos mais velha do que ele. Macron nega, afirma ser heterossexual e sempre que é questionado, responde com bom humor, sem qualquer repúdio ou preconceito. 
 
O principal argumento da oposição, que reforça o boato acreditando ser negativo, é de que o casamento de Macron com uma mulher 24 anos mais velha é uma farsa.



Bloco de religiosos anglicanos se assume gay e pede reconhecimento da Igreja

Um grupo de 14 padres e bispos da Igreja Anglicana da Inglaterra enviou uma carta à alta cúpula revelando sua homossexualidade e oferecendo suporte à comunidade LGBT que faz parte da religião. A agência de notícias Ansa afirma que isso aconteceu depois que o bispo Chamberlein, de Grantham, assumiu publicamente sua homossexualidade. A carta é um apelo para que as doutrinas voltadas aos relacionamentos homoafetivos sejam repensadas.
 
A carta foi assinada tanto por padres, quanto por bispos e leigos.



Casal gay polonês faz vídeo incrível com nova música do Roxette celebrando o amor e o Verão

Dizem que um relacionamento é eternizado pelos momentos e coisas únicas que se vive à dois. O casal polonês Jakub Kwiecins e David que o diga. Um vídeo do casal dublando a música “Some Other Summer”, da banda sueca Roxette, viralizou na internet ao celebrar o amor e o Verão com paisagens exuberantes e o carinho dos dois. O vídeo foi aprovado pela banda e fãs esperam que se torne o clipe oficial da música. 
 
O casal estava aproveitando as férias no Mar Báltico, no nordeste da Europa, quando a música se tornou o hino oficial do momento.



Morte de transexual na Turquia é motivo de protesto raro no país

A Turquia, um país de maioria muçulmana, é conhecida na Europa por ser um dos países mais intolerantes com a comunidade LGBT do continente. Um dos principais centros para refugiados sírios, tem se tornado, também, um pesadelo para gays, lésbicas, transexuais e travestis que querem seus direitos reconhecidos. O assassinato truculento da ativista trans de 22 anos, Hande Kader, que foi encontrada mutilada e carbonizada no último dia 12 de agosto em uma estrada perto de Istambul, gerou um movimento jamais visto no país. 
 
Kader era uma mulher trans profissional do sexo.



Africano gay e jogador de futebol pode ser deportado da Europa e corre risco de vida

Um jogador de futebol gay da Libéria morava e jogava em um time da terceira divisão da Suécia quando foi detido na Parada Gay de Estocolmo em Julho, onde descobriram a sua condição irregular no país. O seu pedido de residência permanente no país foi negado e ele aguarda para ser deportado novamente para o país africano. Andrew Nagbe tem 22 anos e teme ser preso assim que chegar ao país, onde a homossexualidade é crime. 
 
A notícia é espantosa, ainda mais considerando vir da Suécia, que é uma grande defensora dos direitos LGBTs na Europa.



River Viiperi, o modelo nascido em Ibiza que está parando tudo e merece a sua atenção

O modelo de 24 anos, River Viiperi, nunca teve a sua carreira tão em alta. Além de participar de diversos desfiles e ensaios para coleções de 2017, ele está bombando na rede social de fotos, Instagram. Com vídeos tomando banho, posando de cueca e malhando com a namorada, o gato já conta com mais de 551 mil seguidores e uma média de 22 mil likes em cada postagem. Esta semana ele postou um vídeo super bem produzido, tomando banho para os fãs.



“Eu não queria ser gay”, diz homem belga que quer morrer por eutanásia

A depressão e a homofobia internalizada talvez expliquem porque Sebastién, um belga de 39 anos, quer morrer. Na Bélgica a eutanásia é legal em casos sem solução médica até para crianças, mais de mil e duzentas pessoas recorreram ao comitê que regula as eutanásias no país no ano passado. O homem relatou viver em grande sofrimento incurável desde criança e quer que seja aplicada nele uma injeção letal. O curioso caso foi noticiado este mês pela BBC.



Espanha: Cardeal é investigado por homofobia em sermão em Valência

O cardeal Antonio Cañizares Llovera da cidade de Valência é acusado de incitação ao ódio contra os homossexuais em caso que promete ser divisor de águas na Espanha. Apesar da liberdade religiosa, o cardeal Cañizares pode pegar até quatro anos de prisão se comprovado que ele abusou deste direito ao afirmar que gays são ameaça à família e que formam um império gay. Em seu discurso, ele convocou os católicos à promoverem uma desobediência civil contra as leis que promovem o casamento gay, os direitos das transexuais e ainda criticou duramente a migração.



Mr Gay Síria 2016 desafia o ISIS e resiste ao terror

Cinco competidores se reuniram para realizar o concurso Mr. Gay Síria, um evento simbólico realizado em Istambul, Turquia, por refugiados do país dominado pelo Estado Islâmico, em fevereiro deste ano. Sem filiação ao concurso oficial, os rapazes e outros amigos elegeram o jovem de 24 anos Hussein Sabat para representar o país do qual fugiram. O próprio Sabat ainda tem em sua memória recente o horror de ter seu namorado morto pelos terroristas e ter que viver no armário.



Estocolmo ganha caixas postais com as cores do arco-íris

A capital da Suécia sedia este mês a competição de música Eurovision e recebe milhares de LGBRS para a grande final, que será transmitida para toda a Europa no próximo dia 14, sábado. O país ganhou o direito a sediar o evento quando o cantor Måns Zelmerlöw venceu a competição no ano passado, na Áustria. Aliás, em 2014 a drag queen Conchita Wurst levou o título ao seu país com Rise Like a Phoenix. 



Itália aprova união gay mas deixa adoção de fora

A Itália era o último da Europa ocidental que não possuía uma lei para reconhecer a união dos casais homossexuais. Isso acabou nesta quarta-feira quando os deputados italianos aprovaram (por 369 votos a favor e 193 contra) a união civil qualificada de "formação social específica" para o registro civil de casais do mesmo sexo. A aprovação histórica veio mais de um ano depois da construção da proposta junto com conservadores. Em agosto do ano passado, a Corte Europeia de Direitos Humanos condenou o país por proibir o casamento gay.



Páginas