Ambev demite funcionário homofóbico e declara: “não toleramos discriminação”

Redação Lado A 06 de Março, 2020 01h55m

COMPARTILHAR

TAGS


Por ser possível que qualquer pessoa gere conteúdo por meio das redes sociais, é comum ver pessoas compartilhando opiniões disseminando a violência e a intolerância sem medir as consequências e repercussões do gesto.

No entanto, por meio das interações sociais, um simples post pode viralizar, tendo um alcance inimaginável, associando pessoas e marcas a uma determinada ideia ou atitude. Por isso, cada vez mais empresas têm acompanhado as atividades online de seus funcionários.

Nesta semana, um então funcionário da fabricante de bebidas Ambev comentou uma notícia em sua rede social que mencionava que um casal homossexual tinha sido impedido de alugar um imóvel no Rio de Janeiro, apoiando a atitude. No post, o homem afirmou que também não alugaria o seu imóvel para homossexuais, chegando a referir-se aos gays mencionando que “nem são gente, uma raça maldita”, além de utilizar palavras de baixo calão.

No entanto, a postagem repercutiu entre os funcionários, e acabou chegando ao conhecimento do comitê de diversidade interno da Ambev. A empresa rapidamente reagiu ao comentário, demitindo o autor da postagem que além de intolerante, é criminosa, e divulgou nota informando que o posicionamento: “não aceitamos que as pessoas faltem com o respeito ou sejam preconceituosas. Esse comportamento não é tolerado por nós. O funcionário já não faz parte da companhia”. A marca completou: “Reforçamos que sempre apoiaremos o respeito e todas as formas de amor.”

Recentemente, tem sido cada vez mais comuns episódios em que um funcionário é demitido por postar conteúdos inadequados em redes sociais particulares. Em 2017, o Google demitiu o engenheiro de software James Demore após a publicação de um manifesto machista em uma lista de e-mails.

Em 2016 a extinta Avianca Brasil demitiu um copiloto que havia feito postagens discriminando nordestinos no seu perfil pessoal de uma rede social.

A Ambev nasceu da fusão entre as então concorrentes Companhia Antarctica Paulista e a Companhia Cervejaria Brahma, do Rio de Janeiro, em 1999. Ao decorrer dos anos, a empresa foi assimilando novas marcas e cervejarias, como as artesanais mineira Wäls e a paulista Colorado.

Hoje a empresa conta com 31.000 funcionários e faz parte da AB InBev, a maior cervejaria do mundo, que conta com mais de 200 marcas de cervejas, entre elas a Stella Artois, Budweiser, Skol, Brahma e Antártica.

O atual slogan da companhia é: “Juntos por um mundo melhor”. A marca tem levado a sério mesmo esta missão. No ano passado a empresa apoiou a Casa 1, que acolhe moradores de rua LGBT em São Paulo com uma campanha que doava 1 real a cada twite com a hashtag da campanha. O teto da campanha, 100 mil reais foi alcançado rapidamente.

Redação Lado A

SOBRE O AUTOR

Redação Lado A

A Revista Lado A é a mais antiga revista impressa voltada ao público LGBT do Brasil, foi fundada em Curitiba, em 2005, pelo jornalista Allan Johan e venceu diversos prêmios. Curta nossa página no Facebook: http://www.fb.com/revistaladoa

Banner Marcação 1000x220

COMPARTILHAR

TAGS


COMENTÁRIOS